domingo, 1 de agosto de 2010

Príncipe Encantado Syndrome.

A Disney me fez acreditar em príncipes encantados, processo por danos morais?


Fiz esse comentário outro dia com uma amiga e ela concordou comigo, deveríamos todas processar a Disney por danos morais e quase, físicos! Acabaríamos todas ricas, mal amadas e ricas!

Quantos psicólogos você teve que ir, quantos shots de tequila você teve que tomar, engov, potes de sorvete... Vixi, é uma lista gigantesca de despesas.

Comecei a ver alguns vídeos no Youtube e fui percebendo a personalidade de cada príncipe e o tanto de ilusão que é enfiado na cabeça de uma criança que, ainda não sabe filtrar ficção da realidade e acredita que existam homens limpos e delicados cavalgando cavalos brancos. Ah, além da falta de trilha sonora na vida da gente que também não é fácil.

Bom, aí vão algumas conclusões:

Síndrome de Aladin



É todo montado no charme de “pobretão de bom coração”. Ele tem os “moves”, o sorrisinho, a olhada de canto de olho, o topete, o macaco... Aladin é o cara que sabe o que está fazendo e sabe o que vai fazer com você. Quantos caras desses você já não conheceu? Encantadores de menininhas, fazendo a linha “me garanto”? A diferença, para a vida real, que desnorteia a cabeça de adolescentes desavisadas? Ele presta! O Aladin casa com a mulher lá, ele leva ela pra dar um rolê de tapete cacete! E o seu príncipe charmosão, te chama pra ver esfinge ou para um motel de quinta?

Uma lembradinha: http://www.youtube.com/watch?v=uVqoYyJGOco

Síndrome da Fera




Taí um caso bem clássico de inversão de valores. É tudo muito simples; na ficção, o cara é monstro e vira príncipe, na vida real, o cara é príncipe e vira monstro. Tem também aquela coisa de se apaixonar por um homem ,mesmo ele sendo "o cão", só porque ele mandou cozinharem pra você e te tirou pra dançar. E tem mais uma coisa, na vida real se você não tem amigos gays para te ajudarem na conquista, não vão ser os utensílios da casa que vão fazer o trabalho, fica a dica.

Uma lembradinha: http://www.youtube.com/watch?v=3MAhtpxNmnQ

Síndrome de Eric



Outro charmosão, o que, particularmente, me causou mais danos. Ele age como quem não quer nada, faz o bobão a procura do grande amor. Conhece a mulher, não pergunta o nome dela e se apaixona. Ele tem um momento meio #fail onde quase casa com a bruxa, mas abafa, isso só vai acontecer se você fizer um trato e perder sua voz. De resto, tudebão esse homem. Apaixonado decidido, aventureiro, mas tranquilo ao mesmo tempo, tem mordomo, não mora com os pais, tem barco, gosta de cachorros e, enfim, peixes...

Agora, vai achar um nesse modelo que não seja garanhão? Ou, sei lá, um tiozão com crise de meia idade. Não tem! Mulheres, me escutem! Não tem! (e se eu achar um, não vou contar também).

Uma lembradinha: http://www.youtube.com/watch?v=9cVUNN56VIY

Síndrome de Hércules



Não é todo bombadinho de academia que tem o charme do fofíssimo Hércules, até porque ele não usa regata, correntinha no pescoço e ouve pagode. E não, ele não vai usar os músculos dele, nem a força fenomenal para enfrentar nenhum bicho com mais de uma cabeça pra te conquistar. Talvez ele mate um pombo, pra te comer, mas não espere muito mais do que isso. Bobo alegre, bonzinho, apaixonado, corajoso e imortal. Já viu? Nem eu. E aí, vai um passeio de Pégasos ou de motoca?

Uma lembradinha: http://www.youtube.com/watch?v=qRCteeZTrjE

Síndrome dos Príncipes sem Nome




Pois é, gente, para quem ainda não tinha percebido, os príncipes da Cinderela e da Branca de Neve não têm nem nome. As meninas que sofrem dessa síndrome normalmente acabaram virando lésbicas, afinal, nenhum homem nesse mundo é tão sensível quando esses moços aí. É uma loucura de delicadeza. Eles matam dragões na maior classe, dançam, cantam, cavalgam, se vestem bem, são esbeltos e, enfim, gays.

Bom momento reflexivo para vocês e, resumindo: Quer magia? Namore um mágico!


Sigam!! @omerengue

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Thaís Prado às 23:59

23 comentários:

Ique on 2 de agosto de 2010 01:21 disse...

Bom, como voce ta seguindo meu blog no twitter eu direto venho aqui ver se rolou algo novo, e o pior é que to curtindo.

Entao vamos ao comentario.

HAHAHAHHAHAHAHA
Muito bom o post.

Porém, nos homens tambem queremos processar a Disney, Warner, Sony e todos os estudios que criam princesas, mulheres apaixonadas (nao, nao eh novela da globo) aquelas lindas de seriado que dao o fora nos caras bonitos idiotas e ficam com o gordinho de oculos, e por ai vai.

Porque se tiver algum homem que tenha encontrado a princesa linda... meiga.. carinhosa.. bom ja que tudo é ilusao pra que ficar citando.

Quer romance? compra um livro.

Beijo!

Meu blog:

www.thebrocode.com.br

Ana Vicente on 2 de agosto de 2010 01:25 disse...

Adorei o post... mas observe que ele é a prova de que a Disney não nos enganou. Apenas enviou mensagens subliminares de homens imperfeitos taxados de príncipes.
Pensando no seu post lembrei de mais dois:
Encantado, príncipe bixona do Shrek, e o próprio Shrek, o ogro que casa com a princesa e transforma ela numa ogra pra sempre... acho que é o meu caso...
Ah!!! Tem tb o Corcunda de Notre Dame, o Chapeleiro Maluco...
www.coisasaleatoriasdaminhacabeca.blogspot.com

Ana Vicente on 2 de agosto de 2010 01:26 disse...

Adorei o post... mas observe que ele é a prova de que a Disney não nos enganou. Apenas enviou mensagens subliminares de homens imperfeitos taxados de príncipes.
Pensando no seu post lembrei de mais dois:
Encantado, príncipe bixona do Shrek, e o próprio Shrek, o ogro que casa com a princesa e transforma ela numa ogra pra sempre... acho que é o meu caso...
Ah!!! Tem tb o Corcunda de Notre Dame, o Chapeleiro Maluco...
www.coisasaleatoriasdaminhacabeca.blogspot.com

Deja disse...

Nada que uma boa terapia não resolva.

Eu quero processar a produtora de "Uma linda mulher", nem todas as prostitutas são como a Julia Roberts.

É a vida.

Talita on 2 de agosto de 2010 09:33 disse...

Os príncipes sem nome, os Encantados, estão na moda! Tem que ter muito cuidado pra não confundir essas "princesas" com homem rs

Beijosss

vida cotidiana on 2 de agosto de 2010 10:21 disse...

Ai acho que vou procurar o meu terapeuta, porque vc tem toda a razão. Mas adorei a descrição de cada príncipe!!!Não é que nos mulheres caimos nisso direitinho?

Anônimo disse...

Não já postou esse texto?

rayssa gon on 2 de agosto de 2010 11:53 disse...

que disney que nada.


a nova safra de principes encatados sai da caneta de Stephanie Meyer hj em dia!

fudeu :S

Cris Soleitão on 2 de agosto de 2010 13:45 disse...

Eu perdi tudo que eu tinha digitado, gggggrrrr... enfim, lá vou eu de novo [agora digitando no WordPad por via das dúvidas].

Definitivamente a Disney causou um estrago sem tamanho. Imaginem meu caso, que minha mãe comprou a coleção de livros inteira da Disney existente na época quando eu ainda era um bebê [e que não tem APENAS histórias de príncipes]. Ou seja, eu literalmente cresci sendo 'envenenada' por esses romances.
Mas, se pararmos para observar, na verdade a Disney apenas enfeitou mais ainda histórias que já vêm da Antiguidade ou da Idade Média. Hércules mesmo eu já conhecia antes de sair o desenho. Aliás, na mitologia grega o pior de todos é Eros, até porque é essa mesma a sua especialidade né.

Além da Disney e das mitologias há diversos outros autores que deveríamos processar por tais danos, rs.
Eu estou num momento Tolkieano. E, putz, até Túrin... seu personagem mais dramático, azarado, ferrado, amaldiçoado - fortemente baseado em Édipo da mitologia grega - é um homem de espírito nobre, honrado, altivo e leal... só um pouco orgulhoso. Seu amigo Beleg então, nem se fala. Dependendo do prisma que se olha, até Fëanor se salva. Isso porque eu ainda não falei daqueles que são praticamente santos: Beren, Aragorn [esse vcs conhecem dos filmes, rs], Faramir... e por aí vai. Ah, Faramir!!! O mais perfeito de todos os personagens tolkieanos!!!

Ontem mesmo encontrei o e-book de um livro que minha mãe me emprestou anos atrás e eu o perdi [e ele já tava todo estrupiado mesmo!]. Chama-se "Amor: Pacto Quebrado", como podem imaginar trata-se de um romance, bem leve e divertido... e um tanto água com açúcar, claro. Os personagens, Guy e Lord Droxford são outros 2 exemplo desses 'seres encantados' - que poderiam perfeitamente ser o sonho de qualquer jovem - e totalmente IRREAIS, FICTÍCIOS.

Da Disney, Eric também foi o que particularmente me causou mais estragos. A Pequena Sereia é meu desenho favorito até hoje, rs.
Aliás, ele até lembra um pouco um personagem real: Giuseppe Garibaldi [sim, eu estava vendo a reprise de A Casa das 7 Mulheres no Viva]. E vejam o destino da pobre Manoela: foi trocada por uma mulher chata, sem sal, vulgar e xarope [bom, pelo menos na série Anita era assim... não sei na realidade]. Não sei porque, mas os homens preferem mulheres assim!!! Enquanto isso, Manoela passou o resto da vida só e inconformada. Aliás, personagens como Joaquim e Bento Gonçalves [como apresentados na série] também são completamente fora da realidade.

Quanto à Crepúsculo: é exatamente isso que muito me preocupa. A meninada tá, literalmente, PIRANDO com esses livros / filmes. Basta ver a onda de vídeos grotescos que estão se espalhando no YouTube [bom eram os tempos que se discutia em fóruns por escrito: o mico era bem menor!]. Acho que Meyer está causando um estrago BEM maior na cabecinha delas do que a Disney causou danos em nós.

Ique,
mulheres assim existem, pois somos românticas por natureza. Mas aprendemos a endurecer com o tempo porque os homens preferem e dão atenção para as gostosas acéfalas e não enxergam o que mais há em volta. Além disso, muitas vezes vocês, homens, confundem 'mulher romantica, meiga e carinhosa' com 'mulher submissa, burra, fraca e sem personalidade'. Quando nos mostramos fortes vocês, homens, se assustam e saem correndo.

Maíra K. on 2 de agosto de 2010 14:39 disse...

O fato é que nunca existiu e nem vai existir perfeição, nem das mulheres, nem dos homens. Então, pessoas, o melhor que se tem a fazer é achar alguém que apenas lhe agrade sem muito isso e aquilo :D

E.K.D. on 2 de agosto de 2010 15:05 disse...

Apoiadíssima!
Sigo seu blog há bastante tempo, eu diria, mas são raras as vezes que paro e leio um pouco por causa da rotina. Dessa vez precisei tirar um tempo e me lamentar junto. Não só lamentar, porque eu também acabei rindo. Não é a toa que toda garotinha pequena sonha em ser um dia uma princesa.
Walt Disney pode ter feito tudo parecer fácil demais com os finais felizes clichês, só que de fato, esta é a verdadeira essência do amor: confiar, esperar para que desperte de um longo sono, enfrentar perigos, para assim viver de maneira completa. Pode não acontecer assim na realidade, mas é o que queremos do amor.

Jr. disse...

"Quando nos mostramos fortes vocês, homens, se assustam e saem correndo."

Generalizar não é nada sábio querida, eu por exemplo detesto mulheres fracas, burras e dependentes, não há nada mais insuportável pra mim do que isso.

E gosto de mulher normal, nem romântica, tão pouco fria. Alguém normal que goste de carinho, atenção, demonstrado de diversas formas. Mas também segura que eu não precise dizer "te amo" ou trocentas demonstrações de amor, forçadas.

Não generalizando também, mas pela experiência dos meus quase 30 anos com muita observação ao comportamento masculino, e sendo desse gênero... não, não gostamos de mulheres vadias, nem de certinhas, gostamos de um mix, de uma mulher normal não neurótica que não encha a nossa paciência, que não seja carente e precise de nós como se fossemos o ar delas. Infelizmente é o que mais tem.

A maioria dos homens é assim! O problema é que eles erram e se amarram, se contentam com qualquer coisa... coitadas delas e deles por isso.

Falando sobre os tipos de mulheres... E as chatinhas e sem graça? Cheias de pudores, não me toques. Terrível. Também tem as que são assim e pensam ser profundas, inteligentes, mas são imaturas e imbecis, tolinhas que sonham demais... aliás, dou risada quando uma mulher se descreve como "sonhadora". Blergh.

As muitos descoladas, sem valor moral algum, liberais em excesso (Oi! Sou pra frentex e por isso dou pra meio mundo!) também eu acho um pé no saco, pensam também ser o top top, mas são vazias, fúteis.

Bem, realmente gostamos de mulheres gostosas e acéfalas, mas é só para COMER, entendem? Comer, trepar, foder. Mas daí não precisa também ser gostosa e acéfala, qualquer uma pode ser, apenas depende da fome! Somos seres que temos diversas ereções por dia, mesmo fazendo sexo todo dia, alguns ainda precisam se masturbar! É um inferno às vezes (quer dizer, melhor que a impotência). Mas para um relacionamento, é como eu disse... um mix está bom, não chata pudorosa, nem uma biscate de quinta. Nem precisa ser gostosona, linda, perfeita... na verdade até sinto náuseas quando vejo alguém criticando uma gordinha como se fosse impossível amar alguém fora dos padrões... já me disseram que eu era medíocre por isso, acho lamentável esse pensamento maledicente.

Chris, interessante a sua forma de pensar e se expressar. Sério, não fiz crítica alguma, apesar de discordar de alguns pontos, espero que entenda, apenas peguei um gancho no assunto e talz. É só um papo.

Deja disse...

" comment is too large to process. "

Perdi tudo o que havia digitado também. Desisto depois dessa.

Cris Soleitão on 2 de agosto de 2010 21:47 disse...

Jr,
eu sei que generalizar não é prudente. Eu é que tenho me deparado com cada coisa, que vou te contar viu... Aí fica difícil acreditar que exista gente 'normal'.

E essa história de COMER, desculpa... não me desce... me dá náuseas. E, sendo 'a natureza' ou não, ainda assim...

Não vou comentar mais para não desviar o assunto do post. Podemos deixar para um futuro post essa discussão, ok?! ;)

Mas...
Não é à toa que Meyer vende como água, se pararmos pra pensar. A maioria das garotas prefere viver no mundinho da ilusão dos 'Edawards', 'Erics', 'Aladins', 'Aragorns' e 'Faramirs' da vida... é tão mais confortável!!!

Sou uma Cumbuca on 3 de agosto de 2010 02:36 disse...

Processarei. E agradeço à você que postou isso, pois só agora percebi que a mensagem subliminar desses clássicos acabou com minha vida e me tornei uma CUMBUCA.

Sabe por que? Cause exijo demais. Quero um desses aí, qualquer um. Mas NÃO ECXISTE!

Obrigada!
Ficarei rica, uma cumbuca rica! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Andréia Freire on 3 de agosto de 2010 05:28 disse...

Na verdade, qualquer mulher com um mínimo de maturidade sabe que homem perfeito não existe, muito menos príncipes. E que em relacionamentos duradouros ambos aprendem a conviver com os defeitos de cada um.

Andréia Freire on 3 de agosto de 2010 05:32 disse...

E falando em Aragorn. O que é Viggo Mortensen em Senhor dos Anéis, hein? É de babar. Hahahahaha.

Eu vi praticamente todos os filmes da Disney e adoro todos até hoje, mas eles não fizeram estrago nenhum em mim, sinceramente. Acho bobo ter a ilusão de achar uma pessoa perfeita. Claro que não se pode aceitar qualquer coisa, um cara tem que no MÍNIMO respeitar e não ser covarde. Isso inclui FIDELIDADE, não mentir, ter transparência na relação...

Jr. disse...

Tudo bem não lhe descer, não concordar, mas é a verdade. Gostosas acéfalas, gostosas inteligentes, feias, bonitas... tanto faz, 99% só quer gozar. (Alguns comem até cu de homem! mesmo tendo mulher, namorada...Acredite.)

E mesmo com tanta facilidade, bordéis vivem cheios, não somente de homens que não conseguem pegar ninguém, pouco atraentes...

E para namorar, a maioria prefere mesmo uma mulher normal, não precisar ser gostosona, linda... aliás, boa parte associa uma mulher gostosa, sexy... com uma vadia que irá lhe meter galhadas, então não namora para não ser corno, daí ficam com umas sem gracinha, gordinha... e companheira, mas como são movidos pelo pênis, as traem com as gostosas, vadias, biscates...

Massss existe outro ponto... nem toda mulher bonita é biscate e se porta como uma; Nem toda mulher companheira, gordinha é sem graça; Nem toda gordinha e sem graça é companheira e fiel.

São muitas variáveis e vou parar por aqui para não desviar demais do assunto também.

Não estou emitindo minha opinião pessoal, ou dizendo como me comporto... mas é apenas o que eu vejo... E se eu gravasse as conversas que tenho, filmasse o que vejo, vocês iriam vomitar.

Cris Soleitão disse...

"Não estou emitindo minha opinião pessoal, ou dizendo como me comporto... mas é apenas o que eu vejo... E se eu gravasse as conversas que tenho, filmasse o que vejo, vocês iriam vomitar."

Mas disso eu não tenho a menor dúvida!!!

Marie Peres on 3 de agosto de 2010 20:32 disse...

Todas as mulheres passam pela fase de acreditar em príncipes,a realidade faz com que esse mundo de conto de fadas desabe na primeira decepção amorosa...existem homens que são uns verdadeiros príncipes,mas como "tudo que é bom dura pouco" cabe as mulheres tirarem vantagens enquanto ainda estão em "peles de cordeiros"..rsrs.


bjos

Erika Mariana on 5 de agosto de 2010 01:21 disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Muito engraçado, muito mesmo!!

Vou te falar uma coisa, até hoje sofro desta sindrome, eu particularmente sofri muito com o principe Shang da Mulan, um cara forte, corajoso, gato até dizer chega, com peitorais magnificos, herói e tudo mais.

Eu passei a amar nipobrasileiros por causa do Shang!! Sério gente, eu juro!!

Outro principe, que pra mim É UM PRINCIPE SIM é o Jack Sparrow, OMG como eu qeria aquele pirata, aquele Johnny Depp... kkkkkk
Um cara "malvadão" mas é na verdade todo bonzinho, esperto, charmoso, independente, aventureiro, só que ele ama o MAR E NÃO EU!! Droga... kkkkkkkkkkkkkkk

Bem é isso!

Espero superar a sindrome principe desencantado! rs

Erika Mariana on 5 de agosto de 2010 01:36 disse...

P.S. São muitas variáves, não tem como definir as mulheres de modo generalizado, mas os homens...

Todos são safados com suas várias ereções diárias e necessidades de "comer" (odeio esse linguajar, mas estou repetindo o q ja foi escrito).

Por causa desse comortamento é qua as mulheres buscam a ficção, sonhar não faz mal a ninguem e ajuda a ter que conviver com essa realidade medíocre do mundo masculino, ja que precisamos desses safados ignorantes pra levar a vida.

Anônimo disse...

que que tu quer que a disney mostre para as crianças? que as pessoas são sanguinárias e querem fuder os outros? ai sim tu vai ter que processar ela por danos psicológicos

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino