quinta-feira, 20 de maio de 2010

Toda mulher é CULPADA

A culpa é uma palavra feminina, não só gramaticalmente mas no âmbito empírico. Que outro gênero carrega tantas obrigações a serem cumpridas e tantos atributos a serem conquistados? Tenha um cabelo maravilhoso, mas não se esqueça de amamentar seu filho. Quer dizer, que tipo de mãe você é se não amamenta seu filho? O que é mais importante do que um filho? A sua carreira? Está louca? Ah, presta atenção na sua aparência! Não seja uma esposa negligente! Depois o marido lhe troca pela vizinha curvilínea e você se lamenta, não?

E quando não colocamos em prática tudo que esperam de nós... Lá está ela, A Culpa, esperando ser servida com o ditador chá-verde. Que fique claro que A Senhora Culpa não se fortalece pela cobrança alheia, mas por nossa CULPA! Eu diria que somos categoricamente culpadas! Culpadas por nossos filhos terem distúrbios alimentares (Viram a matéria?), culpadas por não recuperarmos nosso corpo esguio após a maternidade, culpadas porque o marido arranjou uma mulher com a bunda maior (ou menor), culpadas porque não fomos promovidas, culpadas por termos ficado até tarde trabalhando num projeto e o filho com a empregada, culpadas porque o cachorro do vizinho morreu ou porque a terra é redonda.


Gisele saiu da sala de parto para um ensaio de biquíni
COBRANÇA: Por que VOCÊ também não sai?

Durante a gravidez engordei 30kgs. E fui perdendo aos poucos após o nascimento do meu filho. Não que ENGORDAR mais que o normal seja saudável ou correto, pelo contrário, temos que vigiar o peso e controlar a alimentação - Isso é saúde. Mas há uma cobrança ferrenha para que você se exiba de tanga logo mais. Aliás, aparecer com o corpo magro após a sala de parto vira manchete. Não é todo mundo que consegue, mas se Gisele conseguiu... Por que você não iria conseguir? Pois é, tenha uma barriga durinha! Não importa se uma criatura a esticou por longos 9 meses!

Está gorda depois que teve filho? Troféu CULPA para você, um bem gordo e pesado para você aprender.


Mães amamentam
COBRANÇA: Você não tem leite? *Cara de sofrimento alheia*

Quando você tem um bebê, ninguém pergunta se você está bem. Se dormiu. Se o bico do peito está esfolado. As pessoas perguntam: Ele está mamando?

Se você não amamenta será alvo de muita pena e fofoca acerca do fato. O que acho culturalmente atrasado, pois antigamente existiam as mães de leite. Hoje não, você tem que ir ao trabalho com os peitos jorrando, causando todo um transtorno estético - Se é que vocês me entendem. Se você amamenta, seu bico está quase caindo de tanto esforço inicial, ótimo! Você é uma mãe e tanto! Parabéns!

Se alguém não consegue ter leite para amamentar seu adorado filho... O que as pessoas dizem em uníssono? COITADA.

Troféu CULPADA para você sem leite. Não só culpada, coitada.


Cláudia Leitte faz show ao sair da sala de parto
COBRANÇA: Senta lá, Cláudia... No berço do seu filho!

As mulheres PRECISAM se dedicar ao filho. É crime apostar na sua carreira. Vi todo mundo falar mal da Cláudia Leitte ao parir. O falatório se devia ao fato de ela estar fazendo shows logo ao parir. Claro, as mães só são mães. Elas se excluem, deixam de ser profissionais e seus clitóris são arrancados. A vida é só para os filhos.

Cantar "Eu quero mais é ganhar dinheiro beijar na boca" é inadmissível para uma mãe. Troféu CULPA para a Cláudia e para você que não desistiu da sua carreira quando seu filho nasceu.


Sandra Bullock divide a cama com seu marido e mais 9 cães
COBRANÇA: Sandra, Sandriinhaaaa...

Todo mundo sabe que a Bullock era traída e pediu o divórcio. A culpa obviamente era dela, que colocava mais 9 cachorros (na verdade 10, contando com o marido) na cama. Então, né? Ah, Sandra, que vacilo! A culpa é sua por seu marido ter um desejo ávido por qualquer buraco. Troféu CULPA para você. Ponha ao lado do seu Oscar, sim?

Somos tão culpadas, tão culpadas... Que todas nós poderíamos ser presas por uma piscadela mais ousada.

* Texto com muita ironia. Que deixa de ser irônico quando eu aviso que é irônico. Mas devido aos comentários descompassados que recebo, pre-ci-so avisar.
* Embora goste muito de ouvir o outro lado, a opinião e a culpa de vocês... Esse post não terá comentários. Sem mais más interpretações e desvirtuamentos descompensados. Se houvesse discordância seria salutar. Mas o que há é despautério!
* Acho que devemos estar saudáveis. Amamentar nossos filhos. Emagrecer. Malhar. Mas que estas práticas não sejam ditadas e nos excluam de qualquer outro valor.
* Escrevam-me para DISCORDAR desse texto ou COMENTÁ-LO:
zingara@corporativismofeminino.com ou sigam: @Corporativetes
* Para você que queria comentar "Amamentar é saudável", acreditando que eu fiz apologia a não-amamentação: Desculpa aí.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Sarita às 00:01

0 comentários:

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino