sexta-feira, 23 de abril de 2010

Preciso de férias dos meus amigos

Eu sei que pessoas não são objetos. Pior ainda quando as pessoas em questão são amigas queridas por quem você tem muita consideração. Me sinto mal, mas confesso que tenho o péssimo hábito de enjoar fácil das coisas. E dos meus amigos.

Enjôo das minhas roupas, dos perfumes, enjôo das comidas, enjôo dos mesmos lugares, enjôo de livros e filmes que eu adoro, e porque com pessoas seria diferente?
Isso não é bonito e não é motivo de orgulho. Mas, por favor, não me condenem: aposto que nao sou a única assim.

Acho inconcebível, por exemplo, me imaginar andando SEMPRE com aquele mesmo grupo composto há anos. Grupos de gente que namora alguém do mesmo grupo, que saem e viajam e fazem tudo juntos. Me dá horror em pensar. Só a idéia me enjoa. Preciso de heterogeneiade.

Isso acontece desde sempre. Quando criança, não sabia lidar com o problema, aí persistia na companhia de determinada pessoa, que acabava tomando patadas e sendo vítima das minhas grosserias aparentemente sem motivo. É que logicamente nunca disse a ninguém "não aguento mais você". Dizem que fere sentimentos...

Com a maturidade, aprendi o segredo para lidar com isso sem machucar os amigos. Era essencial saber, em primeiro lugar, que o bode logo passaria e eu voltaria a querer meus amigos perto de mim - então nada de persistir na companhia e gerar conflitos. O melhor era se afastar aos poucos, até passar.
A partir daí, descobri: bastava não ficar restrita a apenas um grupo de amigos. Sendo assim, cultivava amizades no colégio - e mesmo lá tinham grupos diferentes com quem eu andava mais ou menos, dependendo do grau de enjôo. E tinha o pessoal do meu condomínio, subdivido em vários grupos diferentes, também. Pronto: se enjoava de um, começava a andar mais com o outro.

Hoje, minha vida social é composta basicamente por quatro grupos (cada um deles com subdivisões, é claro): tem os amigos da minha prima, com quem andei MUITO há alguns anos, mas acabei enjoando; tem o pessoal que estudou comigo no colegial, o pessoal da faculdade e tem o pessoal do bairro onde eu morava.

De novembro para cá, GRUDEI no pessoal do bairro onde eu morava. Do nível de aturar 1h30 de trânsito no busão lotado para passar a noite com eles. Foi assim quinzenalmente. Daí passou a ser semanalmente. Esse ano, estamos nos vendo às vezes duas vezes por semana. Nos últimos 15 dias, nos vimos umas 8 vezes. Aí comecei a perceber que estava sendo grosseira e estúpida com eles, e finalmente caiu a ficha: enjoei.

Não percebi antes porque estava extasiada de alegria perto deles. E porque estava distante de qualquer grupo de amigos há muito tempo (geral namorando, e a solteira sempre sobrando).

Enjoei de sair com eles. De ouvir AS MESMAS histórias, de fazermos os mesmos rolês. Vejam bem: amo eles com todo o meu ser. Faria qualquer sacrifício para vê-los. Mas, por ora, melhor dar um tempo. Preciso de férias dos meus amigos. E, porque não, eles de mim?

Preciso voltar a andar mais com os outros grupos de amigos, que logicamente deixo de canto quando começo a enjoar.

É muito feio tentar adequar os grupos de amigos às suas fases de bode?

Dáí começo a pensar: será que se um dia eu encontrar um grande amor, vou enjoar dele também? #MEDÃO

--

Me contem aí: vocês enjoam das coisas? da família e dos amigos? Enjoam do namorado?
Se sim, como lidam com isso?

Beijo!
anamyself@corporativismofeminino.com
http://twitter.com/anamyself

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Anamyself às 00:01

24 comentários:

Tereza on 23 de abril de 2010 08:45 disse...

Nossa me identifiquei mto com esse post... eu enjoo mto facil de pessoas e chego a ser grosseira c/ elas...daí me afasto até sentir saudade.. e tbm tenho o mesmo medo q vc, de um dia encontrar um amor e enjoar tbm, espero q se isso acontecer, pra nós duas, que a gnt possa dar um jeito de nos reinventar e não enjoar, neh?!

Daia.BSilva on 23 de abril de 2010 09:31 disse...

Isso é absolutamente normal e com certeza não é só vc... hahah! Tbm tenho dessas... tem dias que me isolo em casa pelo simples prazer de não ter que "aturar" ninguém... também acontece de não querer ver o namorado vez ou outra, não querer nem entrar no msn pra não falar com alguns dos meus amigos! Hahahaha!

Acontece...

Nayane on 23 de abril de 2010 09:56 disse...

Também enjoo muito rápido das coisas, adorooooo uma coisa, mas de uma hora pra outra, pronto me canso... às vezes acho uma tristeza esse meu jeito, mas fazer o que néh... principalmente qdo tô de TPM hahaha

Zingara on 23 de abril de 2010 10:30 disse...

E eu que enjoo da minha própria cara? Haja tinta e cortes. hahahah

Tá aí, uma coisa que não enjoo é de amigos. Agora já de namorado é bem mais fácil, a solução é arranjar uma briga. ;P #alok

Thaís Prado on 23 de abril de 2010 11:07 disse...

Nossa, é verdade e eu que enjoo da minha p r ó p r i a c a r a?

Impasse Livre on 23 de abril de 2010 11:12 disse...

eui até enjoo das coisas corriqueiras do dia-a-dia, mas tento não enjoar da esposa e filhos...rs...são a minha essência, afinal. não há como não enjoar de ver novela, por exemplo, todos sabemos que no final é amesma coisa...rs beijos, tava sumido apareça vc por lá tb, tem tempo que não vejo seus coments conosco...beijos!

Dama de Cinzas on 23 de abril de 2010 11:39 disse...

Vc é geminiana? Porque isso é caracteristica principal de geminiano e olha que nem acredito tanto assim nisso... ahahah

Eu só não enjôo dos amigos, de resto eu enjôo de tudo!

Bjks

Bel on 23 de abril de 2010 12:27 disse...

Eu enjôo de tudo muito fácil também, mas dos amigos não. Isso porque não costumo ter "overdose" de convivência como você. Normalmente vejo amigos uma (ou no máximo 2) vezes por semana, e não são sempre as mesmas pessoas.
Alguns eu falo por MSN todo santo dia, mas é diferente da presença física, né?
Mas ainda bem que você descobriu uma técnica pra contornar isso! rs

Anônimo disse...

Enjoo de tudo, até de amor!

Anônimo disse...

Ah eu tb enjoo fico na minha procuro nao atender telefonemas..é bom ficar longe das coisas e pessoas de vez enquando

Allys on 23 de abril de 2010 14:42 disse...

Ok, heterogeneidade é muito importante mesmo!

Mas acho meio tosca essa atitude: enjoei, xau e até isso passar!

Vou pensar mais sobre isso..

=/

Ju, Juju, Juli, Juli´s on 23 de abril de 2010 15:49 disse...

Dos amigos eu não enjôo fácil, mas do amor... Ou melhor, de um homem. No início é uma maravilha, mas com o tempo (que pode durar de duas semanas a dois meses), fico com "irk" até do perfume. E infelizmente não posso me dar ao luxo de variar, como faço nos fins de semana com os amigos, até porque eles andam em extinção.
Adoro o blog!
Bjo para vcs!

Angolano disse...

Pega suas férias e faz uma mochilão sozinha, sem luxo e sem mordomia, aí você vai ver gente diferente.

Beatriz on 23 de abril de 2010 17:41 disse...

ai, eu enjoo. e também começo a dar patada... pior é quando é alguém que você vê diariamente, como alguém que trabalha com você. samambaia feelings.

Yasutora!! on 23 de abril de 2010 19:53 disse...

opa, acho q vc tem algum problema, brinks, só acho q vc podia sair com varios grupos ao msm tempo '-', tipo numa semana, na sexta vc sai com 1, no sabado com outro, e no domingo com outro saks/? , assim ce nao enjoa '-'

Silvia on 23 de abril de 2010 22:17 disse...

Engraçado como as pessoas às vezes não nos entendem não é? Tambem sou assim, só com um porém eu necessito ficar só, é; comigo mesma. Preciso desse tempo, acho que o termo não é enjoar e sim descansar:tanto eu das pessoas quanto as pessoas de mim. Dar um tempo não quer dizer que não nos importamos é justamente o contrario, por dar importancia é q nos afastamos
para poder sentir saudades,e pq não que tambem sitam saudades nossa.

claudiauchoa on 23 de abril de 2010 22:20 disse...

Desculpe não prestei atenção e o comentario foicom o nome de minha irmã Silvia.

Anamyself on 24 de abril de 2010 11:26 disse...

Dama de cinzas:
sou aquariana! Acho que também é uma característica nossa enjoar de coisas repetidas...

Zíngara e Thais: também enjôo da minha cara, mas a convardia de mexer radicalmente na minha aparência me impede de fazer qualquer loucura...

Bel: nem tenho overdose de amigos Aliás, via todo mundo TÃO pouco que fiquei mal acostumada. Aí teve esses últimos 15 dias atípicos, em que nos vimos muito, e foram suficientes para que eu enjoasse!

Allys: também acho tosco isso de enjoar dos amigos. Mas não posso controlar. Então melhor me afastar um pouco do que ser grosseira e tratar mal quem não merece, certo?

Angolano: realmente, viagens funcionam para sentir falta dos amigos. Só falta o dinheiro.

Yasutora: já tentei esse esquema de variar os grupos. Mas acontece uma coisa estranha... Fico mais ligada em UM só grupo por vez. É como se estivesse namorando. e aí se saio com outro grupo, fico pensando que estaria me divertindo mais se estivesse o grupo "oficial". Ai, complexo. Entende? :/


E só queria dizer que fico mais tranquila sabendo que o problema não é só comigo. Recebi uns e-mails e tweets de gente que se identificou...
E feliz são vocês que não enjoam dos amigos!

Dorothy Red Shoes on 24 de abril de 2010 22:17 disse...

Amo meu namorado, quero passar a vida com ele, casar, ter filhos, tudo... mas às vezes bate um enjoo...

Daí é só ficar longe uns dias, falar menos no telefone, que bate a saudade e o enjoo passa.

B. Marinho on 25 de abril de 2010 14:24 disse...

Enjoo...o que pensar de uma palavra tão simples?
Acho que o enjoo parte de uma insatisfação pessoal, ou mesmo uma necessidade de mudar radicalmente de vida, mesmo que lá na frente bata uma baita saudade da vida que se levava antes.
Já variei de estilo, de amigos,já dispensei a companhia de parentes, estou no meu namoro mais longoooo(4 anos e 3 meses!!!)e ao ponto de chutar o balde...o que posso falar de enjoo!??rs

Anônimo disse...

Eu acho que a frase certa nao é "enjoar de alguem" é simplesmente precisar de um tempo e só.Tudo o que participa da nossa rotina fica com valor oculto, por isso a sensação de "enjoar" das pessoas... Nada que uma semaninha nao resolva.Tenho uma "amiga 24horas" faz quatro anos: estudamos na mesma sala nesses anos, moramos perto, temos os mesmos horários, as mesmas obrigações e muitos amigos em comum.Nos vemos de segunda á segunda.Ela já é parte da minha família hehe. E tem semana que a gente brinca dizendo: nao aguento mais ver a sua cara! kkk é brincadeira mas é verdade. Agora relacionamentos amorosos coladinhos demais são SUFOCANTES porque os dois começam a perder o próprio espaço e tratar a presença do outro como algo simplesmente rotineiro.Com jeitinho tudo se resolve: é só os dois terem a consciencia de que as coisas precisam de novos sabores, as ligações de novos horários,os encontros de novos lugares e as pessoas de novos olhares. Renovar sempre. Um casal que fica sem se falar por 1 dia não é desdenho e tampouco o fim.Eu e meu namorado não deixamos as coisas virarem rotina, assim todo o encontro parece o primeiro.

Thaís SBA on 27 de abril de 2010 12:08 disse...

Olha, eu enjoo muito de tudo (sou aquariana tb), enjôo de roupas, brincos, sapatos, programas, lugares. Mas se tem uma coisa que não enjôo é de amigos. Claro que a gente sempre acaba conhecendo gente nova no decorrer da vida, mas tenho um grupo de amigas que é o mesmo faz 10 anos. E pra mim é a melhor coisa. Um olhar já basta para sabermos o que a outra tem, sem contar que eu acho maravilhosa essa sensação de cumplicidade. Claro que não nos vemos sempre, hj em dia somos mto ocupadas, mas quando nos vemos é uma alegria só!
De namorado tb nunca enjoei, terminei pq não dava certo, mas jamais terminei um namoro deixando de gostar da pessoa.
Se essa é uma caracteristica sua, provavelmente vc vai enjoar de casamento, filhos, namorados. É uma caracteristica tosca né...convenhamos huhasushus, mas vc não tem culpa...e deve ser muito dificil conviver com vc!! Ninguém sabe lidar com instabilidade né!!

Anônimo disse...

Oie meninas, olha eu enjoo muito em relação a amizades, adoro minha amigas mas elas sempre são meio sufocantes. Para não ser mal e nem grossa com elas dou uma sumidinha, mas sem que percebam. Hahaha do meu namorado eu não enjoo não! ahsuhauhsuas

beijos flores

Júlia on 3 de maio de 2010 16:32 disse...

Oie! Me conta uma coisa, e quando você enjoa de TODOS os grupos? Isso nunca te aconteceu? Acho que to numa fase meio preguiça de todo mundo, haha! Beijos!

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino