sexta-feira, 12 de março de 2010

Canalhice, Sim ou Não?

O que vou contar hoje, aconteceu com uma amiga minha, a história é bem interessante e quero muito saber o que vocês acham.

Ela foi passar uns dias em outra cidade. Lá conheceu um cara de quem gostou muito, um gostou do outro, mas ambos são tímidos e não rolou nada. Então uns quinze dias depois meio que se declararam um pro outro e combinaram de se encontrar. Tudo ia muito bem, ambos felizes, cheios de expectativas – no coração não se manda – combinando como seria tudo maravilhoso. Chegaram sim a pensar em algo sério, porque não?

E então ele decidiu viajar, dar uma espairecida. Um dia antes da viagem ele decidiu com ela o hotel que ele ficaria na cidade dela quando se encontrassem. Na volta da viagem dele eles conversariam mais sobre o encontro. No final de semana que se seguiu ela dormiu pouco, ficou com um aperto no coração. Alguma coisa errada estava acontecendo, mas o que? Decidiu mandar mensagens pelo celular, que ele não respondeu. Mandou um e-mail. Nada. Chegou a segunda feira, ela foi puxar assunto com ele.

Pois bem, parece que está tudo normal, e então do nada ele solta: desculpa Fulaninha, eu fiquei com Cicraninha (bem aquela que ele lhe garantiu de pés juntos que era tão sua amiga que ela jamais precisaria ter ciúmes), não vou mais aí ver você. Desculpa, eu gosto muito dela e não quero te magoar, mas aconteceu.

Minha amiga está extremamente chateada, reagiu mal, disse que foi canalhice e falta de lealdade o que ele fez, afinal, porque falar que queria algo sério, segundo ela, mais de uma vez, para no fim nem mesmo ir encontrá-la? Ela disse que ele foi muito frio, que nunca tinha lhe prometido nada (embora ela ache que o simples fato de querer algo sério é uma espécie de promessa implícita) e que ela não podia agir como se ele fosse se guardar só para ela.

Eu particularmente, no lugar dela ficaria PUTISSIMA mais pelo cara me fazer perder tempo, criar expectativas que não se concretizam, entre outras coisas. Acho que minha amiga se precipitou e fez o coração bater muito rápido por alguém que não merecia sua atenção, embora ela achasse que ele era diferente. Enfim, se acontecesse comigo, acho que eu xingaria até a décima quinta geração do cidadão. Tudo bem que eles nem sequer chegaram a ficar, mas se o combinado era tentar algo sério e a desculpa que ele deu foi “aconteceu” – que pra mim não cola, existe uma linha tênue cada vez que algo mais forte acontece ou está pra acontecer na sua vida, você pode escolher seguir em frente ou não, fazer a cagada ou não, todo mundo tem esse flash, o “aconteceu” não existe – acho digno que ela fique magoadíssima sim.

Quero muito que o Deja comente neste post, a opinião masculina dele é importante ahahahhahhaha.

Beijos e até sexta que vem,
Heleninha

heleninha@corporativismofeminino.com

Post sem figuras, porque to com preguiça.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Heleninha às 00:01

34 comentários:

Aninha disse...

Esses homens nao tem noção mesmo! saem falando coisas que nao vao fazer, querendo garantir que tenham sempre uma proxima na mao.

Esse carinha já sabia que ia encontrar com a outra e ficou criando espectativa na menina...canalhice com certeza. E o pior, nunca querem assumir a responsabilidade pelo que falam.

Por isso que eu sempre digo, essa historia de homem quieto, homem timido, é lenda!

Manah on 12 de março de 2010 00:28 disse...

Bom... Tava meio cedo, né?
Eles mal se conheciam e o cara já foi falando que queria algo sério e tal... Luz vermelha pisca aí. Esse tipo de coisa não se fala em tão pouco tempo. A não ser que ele quisesse mandar uma espécie de recado do tipo "eu tou querendo algo sério, mas não vai ser com você" que acredito não ter sido o caso. OU então ela estava tão excitada que não entendeu a indireta do cara. Porque caras também sabem dar indiretas.

GaB. on 12 de março de 2010 03:59 disse...

Ai fala sério. Eu ia ficar puta da cara! Homens são um bandifilhodamãe.!

Anônimo disse...

Bom, passei por algo parecido!
Conheci pela net, através de uma comu para relacionamento sério, com uma semana conversando nos conhecemos e começamos a namorar no mesmo dia, com um mês um já conhecia a família do outro, viajamos juntos e trocamos aliança, assim, detalhe: Ele queria ficar noivo de cara, tá!
Mas não aceitei, achei muito precipitado, ele falava sobre casamento, filhos e futuro juntos, sim tudo muito rápido, conclusão, terminou comigo, após uma discussão boba, fui comunicada do término através do pai dele, por tel (sim, acreditem!) e nunca mai nos vimos...

Acho que o maior erro nosso é criar expectativas, isso demonstra uma carência extrema, eles (tanto o meu, qto o dela) foram canalhas mor e nós presinhas fáceis em suas garras, maaaassssss, nada como um dia após o outro, o que é dele está guardado!

bjos meninas.

Deja disse...

Já que pediu... lá vai:

Pra mim ele já gostava da amiga, porém não achou que fosse rolar algo, então procurou outra pessoa... a SUA amiga.
Mas quando surgiu a oportunidade de ficar com ela, não perdeu a chance.

Ele nunca esteve afim da sua amiga de verdade, apenas achou que estava, foi impulsivo... infantil, e frouxo, pela atitude após ter ficado com a amiga dele. Por que sumiu, não respondeu aos recados? Caralho, que Zé Ruela.

O sujeito não merece ser chamado de canalha, porque esses fazem as coisas com convicção, ele é apenas fraco e patético.


E algumas mulheres também fazem isso... só pra comentar.

Zingara on 12 de março de 2010 10:08 disse...

Homem tem como PRIORIDADE o pinto. O sexo estva mais acessível e A CABEÇA DE BAIXO teve urgência.

Pode soar grosso e feminista o meu comentário. Mas a culpa é da TESTOSTERONA mesmo.

Não digo que é CANALHICE, digo que é INGENUIDADE DA SUA AMIGA.

Eu não acredito em nenhum. Podem chorar, fazer cena. Acho engraçado.

paula on 12 de março de 2010 10:12 disse...

concordo com o Deja em gênero, número e grau... o cara nem chega a ser canalha mesmo: isso que ele fez foi muito coisa de mulher...
... porque por mais que eu não queira admitir, mulher é quem faz esse tipo de coisa: está a fim de uma pessoa, sabe que ou então acha que não tem chance com aquela pessoa e aí parte para cima de outra pessoa, aquela que ela acha que vale a pena, mesmo que ela não esteja apaixonada. porém, basta um simples gesto daquela pessoa que ela gosta e que achava que não daria bola para ela para ela sumir da vida do "band aid" sem dar explicações...

Anônimo disse...

O msn transforma as pessoas.
As vezes vc encontra pessoalmente e nem parece a mesma pessoa. Falta do q fazer e do q falar.
Homem q faz planos é furada, kkk.

E o jeito de terminar oq nem começou foi o 'ó'.

Melhor para vc, acredite.

Anônimo disse...

Ops!! melhor para sua amiga.

Nanynha on 12 de março de 2010 10:26 disse...

Que engraçado! Ontem eu estava justamente pensando sobre a questão “amiga”. Até que ponto são confiáveis? Afinal, todo homem que conheço diz que pegaria a “amiga” se houvesse oportunidade. Não que isso vá virar um relacionamento, mas...

Bom, eu já passei por isso, com um caso antigo. Na verdade, eu fiquei putíssima na hora, mas depois que a raiva passou, coloquei a cabeça no lugar e vi que não tinha sido nada demais. Oras, ele queria algo sério, mas não necessariamente haveria de ser comigo (ou no caso, com SUA amiga).

Havia, sim, muita expectativa, muita projeção, mas poderia não haver química... Ela poderia ter chulé e ele bafo. Entende?

O cara viajou, até então não havia nada entre ele e a amiga. Ele poderia ter resistido, poderia ter evitado, mas arriscou... Oras, quantas vezes nós também quisemos? Também arriscamos? Canalha ele teria sido se depois disso ainda tivesse ido vê-la, alimentado suas esperanças e, por fim, dito que preferia ficar com a amiga.

Sinceramente, fique puta o quanto necessário. Mas, não faça disso uma tragédia... =)

Bjos

Luh on 12 de março de 2010 10:56 disse...

Olha só, já aconteceu comigo... concordo com o Deja que o cara é um frouxo, mas se ele não tava afim da menina, foi canalhice também. Onde foram parar os HOMENS?

Beijos...

Priscila C. Souza on 12 de março de 2010 10:59 disse...

O ser humano se deixa envolver pelo momento. Se conseguirmos pensar um pouco mais e não deixar a emoção e a vontade nos cegar, conseguiremos enxergar tudo com mais clareza. Provavelmente ele já estava dando pinta que gostava da amiga e a sua amiga não percebeu, eu achou melhor ignorar o fato.

Babizinha on 12 de março de 2010 11:04 disse...

Creio que não há só um ou dois lados, e sim três. Comigo aconteceu que eu era a amiga desse tal cara e ele estava afim de outra, porém mesmo acreditando estar imune da "canalhice" dele, sofri também. Após ficar com ele, ele simplesmente caiu fora. E não fiquei com o peso na consciência, porque realmente ele ainda não havia ficado com a guria. Depois desse rolo todo, nem você pode garantir que ele esteja com a tal amiga... Assim como aconteceu comigo: despachada.

Homens querem amizade colorida e na primeira oportunidade de ti despachar, pode crer, ele o fará.

Beijos
;*

Babizinha on 12 de março de 2010 11:04 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alê. on 12 de março de 2010 12:07 disse...

Pra mim o pior erro dele foi não ter falado logo com ela, tipo, se afastou, ficou estranho e esperou a garota "se tocar" que tinha algo errado. Esse cara é mesmo um idiota, depois de tudo ainda dizer que já gostava de outra, quer dizer, é um bananão que tava esperando só uma oportunidade pra pegar a amiga e enquanto esta não chegava, ele ia curtindo a vida.
Como disseram aí em cima: FROUXO.

E assim como a Zíngara, eu também não confio em NENHUM, não fico na nóia de estar sempre desconfiada, mas sexto sentido de mulher "quase sempre" tem razão, e mesmo no finalzinho da história, o da garota ajudou, se não fosse por ele, talvez ela ainda estivesse esperando o cara chegar na cidade dela. Agora querida, é bola pra frente.

Deja disse...

Um adendo... não acho que foi canalhice, ou que ele pensou com a cabeça de baixo, porque se fosse assim... ele ainda teria comido sua amiga.

Um canalha comeria as duas e continuaria com a enganação...


Foi frouxo, cuzão mesmo.

Crazy on 12 de março de 2010 14:11 disse...

Ué, não vi a canalhice nessa história. O cara mudou de idéia, só isso ...vai ver percebeu que a menina q ele achava ser só amiga podia ser algo mais! Se eles não eram namorados, não vejo nenhum problema.
Tá certo q tá cheio de homem canalha por aí, mas tb tem muita mulher com síndrome de perseguição. Só pq o cara disse q iria vê-la, ela fantasiou toda uma expectativa em cima disso. Pareceu até a menina do filme Ele não está tão a fim de Você.

Cansada de ser boazinha on 12 de março de 2010 14:50 disse...

Olha, concordo com o Deja. O cara não é canalha, é um bobalhão. O canalha enganaria as duas, ainda mais sendo cidades diferentes, e ficaria um bom tempo comendo as duas. Ele até foi bem sincero na minha opinião. Foi idiota de dizer coisas que ele não sentia e prometer encontros com sua amiga e até um futuro, mas tá cheio de car assim, e também, mulheres.
Fato é que o cara é frouxo, imaturo, bobão e covarde, mas canalha não, de jeito nenhum. Melhor ela chorar por um cara que ela nem ficou, do que começar a namorar, se envolver de verdade e descobrir que era chifrada esse tempo todo.
Ao invés de pensar nos contra, que sabe pensa nos prós? Agora ela tá livre que ir atrás de um cara bacana de verdade!

Anônimo disse...

Ele não enganou as duas pois daria muito trabalho, se as duas estivessem acessíveis com certeza ele teria sido canalha, mas devido ao trabalho exigido pela distância, ele foi apenas um bobalhão, mas com as intenções de um canalha...

Tenho uma amiga que namora há pelos menos um ano com um cara da net, ela vê apenas duas fotos do cara, pois ele alega que tá sem camera, ou cel. com câmera, lan house que ele vai não tem cam e ele não tem orkut, a relação se baseia em contatos telefônicos via celular, já tentei alertá-la, mas ela está cega, desejo estar errada, mas imagino que o cara não seja aquele da foto, já disse isso a ela, mas ela não me ouve, agora é esperar, ela deu um ultimato até o dia 15 de março para que possam se conhecer e adivinhem, foi pedida em casamento, por tel, acreditam? E o pior, tá mais iludida qu nunca...e eu achei que fosse carente... aff!

Se não fosse minha amiga, acho que já tinha dado uns tapas na cara pra ver se acorda!

Anita on 12 de março de 2010 22:53 disse...

O cara é patetico...Só isso que eu tenho pra dizer!

Mindiga on 13 de março de 2010 01:06 disse...

Eu acho que, primeiro de tudo, eles não deveriam ter feito tantos planos pela internet. mais já que aconteceu, ele deveria ter tido mais consideração com ela, e ela não deveria ter ficado tão sentida com o ocorrido. ate porque, poderia ter acontecido com ela também. ter saído com as amigas e encontrado um carinha antigo que ainda mexesse com ela (apesar que não admitir) e ficar com ele. e por mais que ela gostasse e tivesse uma grande consideração com o garoto da outra cidade, ficaria sem jeito de falar com ele no telefone, ao lado do outro menino.

mais mesmo assim, acho que os dois estão errados. ela de por tanta confiança nele, e ele por fazer promessas e deixar entender que ela era única.

aff. eu sou tão fria (meu namorado que sofre tadinho), que eu não teria dado tanta confiança para ele. ficaria muito puta com ele depois de tudo. mais iria fingir que não. sairia com as amigas, beberia todas, e no final acabaria rindo da besteira que fiz. superando tudo.

mulherpolvo on 13 de março de 2010 10:35 disse...

isso aconteceu comigo em agosto do ano passado, e eu fiquei putíssima. saí de casa para fazer sexo casual e o cara me veio cheio de romances e possibilidades. Depois, mudou de ideia e não se dignou nem a me avisar. Lógico que fiquei muito puta. Eu tava mais preparada para uma coisa casual, e ele que botou minhocas na minha cabeça. Não acho cafajeste não, confuso, imaturo e maluco, apenas.

Dani Antunes on 13 de março de 2010 11:23 disse...

Mais canalha que ele, só a amiga. Aposto o que tu quiser que ela posava de amiguinha na frente da tua amiga e na primeira oportunidade ia pro motel com o namorado da tua amiga.

Mas peraí. Namorado da tua amiga? Não é peguete?!

Se for namorado, a outra menina é simplesmente A MAIOR DAS FILHAS DA PUTA FURADORAS DE OLHO.

Se for peguete, ela continua sendo A MAIOR DAS FILHAS DA PUTA FURADORAS DE OLHO, mas com o benefício de que o que os dois tinham não era nada.

E ainda tem a terceira opção. Se colocar no lugar da outra. Quem garante que o filho da puta mega blaster não é ele?!

Quem garante que ele não disse a mesma coisa pra outra menina que foi denominada A MAIOR DAS FILHAS DA PUTA FURADORAS DE OLHO ou "parente próxima do Bicho Ruim"?!

Pra mim o cafa é ele. O canalha é ele. O filho da puta é ELE.

Elas duas são só duas mulheres. E, seja a que ele dizia que era só amiga, seja a sua amiga, uma coisa é certa:

COM CERTEZA ELE ENGANOU AS DUAS!

E, se a outra ainda está com ele, será a próxima.

E assim sucessivamente, até ele cansar de posar de fodedor do planeta e criar juízo.

Pq, vamos combinar... Até o momento ele não sabe o que é juízo.

#prontofalei

Post muito bom, meninas... Muito bom MESMO!

Adorei!

Beijocas

fernandananica on 13 de março de 2010 13:58 disse...

Canalhice seria se ele não tivesse falado nada, tivesse ido ao encontro da sua amiga, criado mais ilusões e só depois dela estar beeem de 4, ele contar que estava com a outra em paralelo ou nem contar. Ela (sua amiga) poderia muito bem ficar sabendo pela outra.

Daí sim, seria filha da putice.

Sua amiga estava certa do que queria, mas ele não. E ele não levou a diante, foi atrás do que queria, o que faz dele até digno.

Eu adoro homens que nos mandam à merda (se não nos quer de verdade). Não tem coisa pior que ficar em banho maria e deixando outras oportunidades escaparem por conta de alguém que nem nos queria.

Edu disse...

Humm...
Ja aconteceu isso comigo.Maas foi uma garota (logico) e durou mais tempo.
Conhecemos num bate-papo da vida, ela morava no interior, e depois de algumas semanas papeando e criando intimidade rolou um papo sobre a gente completar um ao outro. Combinamos que iamos nos conhecer e ver se rolava a tal quimica...
Mas ela me enrolou por uns 3 meses ou mais. Dizia que nao podia ir na cidade dela pois nao queria criar fofocas (cidade pequena) e sempre que falava de vir pra cá... inventava uma desculpa horas antes.
No final, conheceu uma outra pessoa, e todas as barreiras sumiram.
Nunca nos encontramos mas estavamos "namorando" a distancia. Um experiência pra nunca mais repetir.

Pelo menos o tal da história foi sincero, nao ficou alongando a história.

keila lima on 17 de março de 2010 11:55 disse...

Vixeeeeeeee, coitada!!

Mas o lance ideial é nao criar boas expectativas com nada que dependa de outra pessoa, assim se evita a cara de "tacho" e aqueles longos dias se perguntando: "QUal o meu problema?"

beijos meninas!

Andressa on 21 de março de 2010 13:57 disse...

Acho que o tombo foi maior porque ela criou muitas expectativas antes do tempo. Não tiro a razão dela, mas analisando de fora foi melhor assim. Ele podia ter ficado com as duas e quando ela descobrisse, já teria gostado dele e sofrido bem mais, não acha?

D disse...

Pode ser que ele realmente quisesse algo sério com ela, que estivesse apaixonado e determinado a comprometer-se.

Porém, determinação se fundamenta em algo, e, no caso dele, se ela se fundamentou no quanto ele gostava da garota, e ele conversou/ficou/qualquercoisa com outra garota, e gostou mais da outra, então era sim o natural que ele parasse de querer algo com a primeira.

Canalha ele seria se não contasse para a menina que a "química" tinha oxidado ou que "o fogo" tinha apagado por conta de outra, e que ela estava livre.

Não necessariamente ele tinha intenções de ferir a primeira, e podia até quere-la, mas infelizmente não tem como se pegar uma pessoa e garantir que ela vai sempre te admirar e amar. Não é assim que funciona, e se outra pessoa passar na sua frente, como dizem por aí : "O amor é cego", e a moral e o compromisso talvez só sirvam para fazer aos dois infelizes.

lulli disse...

acho que não foi cachorrice não, hein amiga... seria se ele fosse pra cidade dela, comesse a guria e depois sim contasse que tava com outra.
quem é besta é essa sua amiga, que ainda acredita nos homens. falar que quer algo sério e concretizar isso são duas coisas completamente diferentes!

CLAYTON MOTA disse...

ACHO POUCO !!!!

Danilo on 24 de março de 2010 13:22 disse...

O cara queria tentar algo sério com ela para talvez tentar esquecer essa outra menina, mas "aconteceu" e ele resolveu ficar com ela. Sanacagem teria sido se ele tivesse comido sua amiga e depois abrisse o jogo!

Raphael on 25 de março de 2010 18:56 disse...

Se tivesse dado uma chupada nele nada disso teria acontecido...

Mulheres. Quando vão aprender a lidar com homens?

felipaoataide on 25 de março de 2010 22:59 disse...

Ahhh, toda história tem dois lados....o quanto sério era pro cara essa parada tbm.Se ele estivesse tão apaixonado teria ficado tão frio assim pq?teria dados uns pega na amiga pq?
Sei lá, tem ente q vc cv um minuto e ja esta te chamando de amor....

Di Carlo on 3 de abril de 2010 14:55 disse...

Cada escolha é uma renúncia.

Eu mesmo já fiz coisas desse tipo: fazer promessas, dar garantias, depois voltei atrás. Mulheres, acreditem, quando a gente fala, a gente realmente acredita naquilo que tá falando, mas aí as coisas mudam... aparece outra.. é foda.

Mas vale lembrar que isso não é exclusividade dos homens. Muita mulher já me disse coisas assim, jurou um monte de bobagem e depois simplesmente pediu desculpas e rachou fora. E eu fiquei fudido e com um monte de apelido, hehehe.

Foi obra do acaso e ninguém tem culpa. O cara ainda foi muito macho de ter cortado sua amiga. 98% (incluindo eu) teria tentado administrar as duas, hehehe.

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino