quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

SOLTERICE não é crime!

Sábado à noite e eu não tenho um encontro.

Minha amigas dizem num tom de conforto que haverá alguém para mim, que ele será realmente incrível e que essa é só uma fase. Ouço a tudo com parcimônia. Sem contestar o fato de elas acharem que a felicidade está num homem. Acho incrível que queiram que EU, que passei por 3 trágicos episódios numa sequência "sem tirar de dentro", acredite e QUEIRA um relacionamento agora. Não, não desisti dos homens. Eu ainda quero todos, ou boa parte deles. Mas agora, agora não. Alguém por favor respeite isso.

Outro dia, folheando uma dessas revistas Caras (antiga), encontrei o Keanu Reeves numa foto (abaixo) ao lado de uma oriental de topless. A legenda era algo como "Keanu Reeves, solteiro convicto e com uma lista imensa de ex-namoradas, aproveita o dia ao lado de uma amizade colorida de topless". Se eu estivesse na mesma situação, trocando obviamente a companhia por uma masculina... A legenda seria algo como "Zíngara encalhou e parece que quer abocanhar o sujeito desavidado ao lado".

Por que é tão difícil para todos aceitarem que uma mulher queira estar sozinha? Por que quando os homens querem estar sozinhos parecem poderosos e bem resolvidos? É como se eles gritassem, do alto de sua solterice: Estou solteiro porque quero e pronto! Por que eu, mulher, não posso querer estar sozinha e parecer feliz, bem-sucedida e "traquilaça"? Parece que estou aos prantos, descabelada, gritando: Ninguém me quer, e é só por isso que estou solteira! - Estou chegando ao mesmo discurso de um dos meus textos passados, eu sei.

Às vezes acho que devemos sair às ruas com uma campanha "Pelo direito de ser solteira". Não importa o histórico de ex-namorados que você tenha, se você não está namorando naquele mês... As pessoas são taxativas "Deve ter algo errado com ela..." ou "Tadinha, tão bonita e não encontra um amor". Já perceberam que recebemos mais cantadas e investidas quando estamos namorando? Não é à toa, da solterice emana uma aura loser e pouco atrativa!

Já é o segundo sábado que vejo minha mãe pôr a cabeça na minha porta e dizer "Não vai sair hoje com ninguém?". Aí eu respondo "Não, eu encalhei!". Ela ri e entende o recado. Se quiserem achar que meus textos estão mal humorados porque não tenho um macho fiquem à vontade. Sei que se eu disser que a solterice me cai melhor do que um dia eu pude imaginar... Vocês nem vão acreditar mesmo.

Os filmes, as novelas, os noticiários berram que felicidade está ao lado de outra pessoa. Tanto que há mulheres por toda parte morrendo nas mãos dos seus maridos, os jornais berram: Tenha um marido, mesmo que ele a espanque até a morte. Mas não, não fique solteira como a Zíngara.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Sarita às 00:04

33 comentários:

Clarisse Simão on 18 de fevereiro de 2010 04:06 disse...

A impressão q eu tenho é q qdo namoramos, os caras pensam: ela deve ter alguma coisa de especial. E qdo solteiras é mais para: Ela é bonita, mas se tá solteira é pq não vale nada ou é um porre.

Eu não gosto d ser solteira. Odeio ficar sozinha, mas concordo q as pessoas tem um "repulsa" com as solteiras e não é nada tão absurdo assim.

Ser solteira tem seu lado bom e não deveria ser um bicho de sete cabeças, mas particularmente, prefiro estar com alguem.

Beijos!

edu disse...

Acho que pra alguns homens em algumas situações também rola umas cobranças desse tipo.
Conheço um cara ai (eu) que nunca namorou. Não que ele queira viver solteiro e curtir a vida. Apenas nao aconteceu.
A familia vive perguntando pra ele pq ele não namora. Reuniões familiares sucks! Acho que na verdade a grande maioria das pessoas vinculam à felicidade com um relacionamento estável... e acabam desejam que todos tenham isso.
Não vejo nada de errado em estar solteiro, ou solteira no caso se estiver feliz, ou pelo menos desencanado. Eu fico assim em 80% do tempo... os outros 20% fico bastante aborrecido por não ter a tampa da panela.
Namorar não tem que ser uma implicação da sociedade, tem que ser algo prazeroso para o casal.

Deja disse...

Primeiramente: Keanu Reeves a moça do topless conseguiram ser mais brancos do que eu, me doeu os olhos.

Bem, no meu caso, a família cobrava muito que eu namorasse, subisse ao altar... dizia meu pai que um homem na minha idade sem namorada, algum problema têm.
Para quem o conhece, ele queria sugerir que... ou eu arrumasse alguém, ou ele iria achar que eu era gay.

Mas eu queria namorar, apenas não encontrava alguém... meu único relacionamento na época era a distância... Na época não conseguia me interessar por ninguém, nem mesmo para passar o tempo, pois eu estava obcecado por alguém... Mas bem, indo ao ponto... hoje me cobram o fato de eu ainda não ter filhos, sendo que meu relacionamento é conturbado, se arrasta... mas eles se importam com meus planos? minhas necessidades? sentimentos?

O fato é que as pessoas se sentem no direito de decidirem o que é melhor para nós, estão sempre esperando algo... parecem projetar suas necessidades em outrem, criam justificativas para isso, inclusive.

Fodam-se, quem sente sou eu, não importa o que pensem ou falem de mim...

E se você quer continuar solteira, se está bem assim... que continue, a porra da vida é sua, aliás, particularmente eu acho melhor do que viver o stress de uma relação de merda, só para suprir a necessidade de ter alguém ao lado.

¤*Daia*¤ on 18 de fevereiro de 2010 09:27 disse...

Eu entendo vc e nas fases em que fiquei solteira, adorei. Não por nada, não por vingança, pra sair pegando geral... que nada! Era por mim, pra organizar os pensamentos na cabeça, pra curtir a vida sem cobranças, sem ter que dar satisfações à alguém... saía na balada pra dançar de verdade, o resto era consequência!

As pessoas ainda não entenderam que a essência de um relacionamento não é "depender" do outro para ter felicidade e sim somar-se e dividir-se com o outro para manter a felicidade!

Bjo

Blog do Cachorro Cansado on 18 de fevereiro de 2010 10:38 disse...

Imagine alguém com 42 anos, solteiro - não por convicção, mas solteiro ainda assim -, conforme já escrevi no meu blog é considerado "gay" ou "problemático". Daí que eu vou logo avisando: "sou problemático"!!!!!..rs

Jullyane on 18 de fevereiro de 2010 11:03 disse...

Não fui eu quem disse isso? rs. Poderia ter sido eu, perfeitamente!

Concordo com tudo, onde assina?

Beijossss

Bel on 18 de fevereiro de 2010 11:12 disse...

Pois eu não tô solteira, mas entendo você perfeitamente. E adoro sair com Marido e amigas(os) solteiras(os), que geralmente são melhor companhia do que casaizinhos que ou estão apaixonadíssimos ou brigando. #prontofalei

.Intense. on 18 de fevereiro de 2010 11:16 disse...

Hhuahuahuah...morri de rir do comentário do 'Blog do Cachorro Cansado'
=p

Enfim, primeiro deixa eu comentar duas coisas: Primeira - toda vez q fala em relacionamento aqui no blog, eu já acho que o post é seu. Engraçado isso, né? Segunda - eu sou uma dessas pessoas que morrem de curiosa pra saber oq de tão catastrófico andou acontecendo com vc. Sério.

Fiquei solteira [sem ser sozinha] por 01 ano e 02 meses, da última vez. E o povo enxia o saco. Q eu precisava arrumar um namorado. Cheguei a ouvir dizer q minha depressão era falta de sexo! Q eu precisava de um homem. Tomar no cu, (menina delicada que sou) respondi na hora que, falta de sexo não foi, mas que homem com H maiúsculo igual mamãe disse q eu merecia, ainda não tinha visto no mercado, nem solteiro, nem casado. O cidadão faltou cavar um buraco e ir pro Japão ¬¬

Nesse meio tempo, durante quase 03 meses, fiquei solteira E sozinha. E me fez bem, foi a melhor coisa q fiz na época. Não tava com cabeça, ainda tava tratando da depressão, terminando faculdade, mudando conceitos, valores...fazia oq tinha vontade, comia onde qria, como qria, com quem qria, recebia ligações, saía, ficava em casa vendo filme...foi o melhor que fiz. Me pesquei de volta do mar de lama q eu andava afogando e, desse jeito, deu tempo de saber de novo quem eu era, sem ninguém querendo me moldar.

Será q ficou mto confuso? Acho que não, né. Enfim, a gente tem que viver pra saber como é. Alguns conseguem, outros não. Mas pra quem quer, eu dou o maior apoio: vá em frente, Zin. Independente do que esses cabeças de ovo pensam, de uma coisa nós temos certeza: vc é linda e tudo de bom. E tá solteira pq quer e ponto final!

;)
;*

Anônimo disse...

Estou ha quase dois anos solteira, e não digo que meu estado civil seja solteira, mas sim desinteressada. Simplesmente nenhum caboclo me atrai e estou muito ocupada pra ficar procurando.

A cobrança por um marido está aumentando na minha casa, ontem minha mãe me disse: eu te encho o saco porque vc é a única filha solteira que sobrou, arrume um marido, ora essa. Ela cha que só vou ter direito a minha vida quando eu tiver um marido.

Tive, assim como você, três relacionamentos um colado no outro e os três fracassados. Quando decidi em 2008 ficar sozinha, eu queria pensar e ainda estou pensando.

Esse seu texto foi escrito pra mim!

Heleninha

teresa fur on 18 de fevereiro de 2010 11:38 disse...

Olha, estou na mesma situação, mas já cansei de brigar com o mundo... querem falar, falem com minha mão.

Hoje eles cobram por vc não estar namorando, amanhã vão cobrar por vc não estar casada, não ter filhos,.... A realidade é que ainda aquele modelo: Papi + Mami + filhinhos = família feliz, ainda existe e é muito forte em nossa cultura. Acredito que ele ainda perdure por um longo período, pois vejo muita gente em torno dos 20/30 anos acreditando e investindo neste modelo, o que não é errado, mas é só um entre tantos outros modelos.

Enfim, cada um sabe o que é melhor para si, ignora. Sei que irrita a (falsa) imagem que fazem da gente, de fracassada, mas é melhor ignorar mesmo... Fracassados são quem tem relacionamentos só pra não ficar sozinhos.

bjoks

Cris Soleitão on 18 de fevereiro de 2010 11:43 disse...

É interessante notar que seus posts mudaram radicalmente de tom, Zin.
Eu acho que isso é bom, pq está começando a ver o outro lado da moeda.

Um blog que sempre fala sobre este assunto e que eu adoro é o http://cansada-de-ser-boazinha.blogspot.com/

"Conheço um cara ai (eu) que nunca namorou. Não que ele queira viver solteiro e curtir a vida. Apenas nao aconteceu.
A familia vive perguntando pra ele pq ele não namora. Reuniões familiares sucks! Acho que na verdade a grande maioria das pessoas vinculam à felicidade com um relacionamento estável... e acabam desejam que todos tenham isso.
Não vejo nada de errado em estar solteiro, ou solteira no caso se estiver feliz, ou pelo menos desencanado. Eu fico assim em 80% do tempo... os outros 20% fico bastante aborrecido por não ter a tampa da panela.
Namorar não tem que ser uma implicação da sociedade, tem que ser algo prazeroso para o casal."

Bem, eu podia ter escrito isso, pois comigo foi a mesma coisa... Não namorei pq simplesmente não aconteceu.
Depois namorei 1 vez e não deu certo... nem sei se dá pra chamar aquilo de namoro, mas enfim...

Sempre fui desencanada com isso, como canso de dizer, tenho outras prioridades. Tem hora que faz falta sim, mas nada que me dê a sensação que posso morrer por causa disso.

Atualmente, estou solteira por convicção mesmoooo!!! Minha última experiência com amores [eu disse que não namorei, não que nunca me apaixonei] foi traumática o suficiente para eu querer passar bem longe de homens por MUITO tempo [e olha que já faz mais de um ano].

A parte mais chata de estar solteira é quando todos os seus amigos namoram / casam e todos os seus familiares também. É meu caso atualmente. E minha única amiga com quem eu podia sair sem me sentir desconfortável [DETESTO ficar de vela... acabo me afastando um pouco dos amigos e parentes 'casais'] está prestes a se mudar pra outra cidade.

Pra piorar, 90% dos meus clientes são casais também... trabalho com casamentos.

Agora, imagina... se eu fosse do tipo neurótica que não vive bem sem outra pessoa, eu já tinha enlouquecido há muito tempo!

Não me lembro onde eu vi uma frase que era mais ou menos assim: "O mundo seria bem melhor se não colocássemos a responsabilidade da nossa felicidade em cima de outra pessoa"
E acho que é bem por aí mesmo...
Não acredito nem um pinguinho nessa felicidade plástica de casaiszinhos, pq como você disse no outro post, a verdade é que um está de saco cheio de carregar a responsabilidade da felicidade do outro nas costas.

Minha família aprendeu na marra a não me cobrar quanto a isso.
E toda vez que meus pais me cobram netos eu trago um bichinho novo pra casa... nem preciso dizer que pararam com essa conversa, né?! Huahauahua...

Deja disse...

Levei um susto ao ler que a "Bel" não está solteira, felizmente não é a minha Bel, ainda tenho esperanças!

=P

Deviruchi on 18 de fevereiro de 2010 12:29 disse...

Acho que esse é mais um post da série "coisas que os homens fazem numa boa e mulheres não".

Realmente, acho que é uma questão meio que cultural. Porque se até algumas mulheres pensam assim, é óbvio que há algo de errado.
Mas eu acho que você não devia se incomodar com isso, Zingara. Sério, grande coisa eles pensarem isso. Afinal, você sabe que não é verdade. AEAEAE

E manter-se solteira é muito mais barato, fikdik. '-'

Ju on 18 de fevereiro de 2010 14:07 disse...

Sem tirar de dentro foi ótimo!!
Apoiada na sua campanha!

bjos

Anônimo disse...

Zin!! Lê esse post, é uótemo. (meio brabo, mas muito bom).

http://whothehelliscely.wordpress.com/2010/02/03/amor-romantico-coisas-que-nao-te-contaram/

Tô na mesma situação que a sua e não abro mão.

beijos!

Lays Rodrigues on 18 de fevereiro de 2010 15:51 disse...

Sei bem como é isso! Também tou nessa situação... é incrível que são pouquissimas as mulheres que entendem que devem ser bem resolvidas consigo mesmas, estando solteiras ou não. Acho que esse "estereótipo" vem disso... algumas pensam justamente que têm que tá com alguém pra ser feliz, mas não, estando sozinha ou acompanhada, ela só vai tá 100% bem qnd estiver bem consigo mesma em primeiro lugar! ;D

Joy on 18 de fevereiro de 2010 16:38 disse...

Sabe... to bem de boa com essas situações! Sempre tem alguém pra querer te unir com outros solteiros e se vc se nega, hmmmm... vão levantar a possibilidade de vc ter mudado sua orientação sexual. Pra me divertir digo que mudei, que mudar faz parte da vida e, que gente casada para de mudar por isso se separam! mude o foco! eles sempre perdem o rebolado! have fun, beibee!

L' disse...

Eu concordo com você!,
dá sim pra ser mtuito feliz sem ter q ter um homem do lado...

Historias de Depois... on 18 de fevereiro de 2010 19:09 disse...

Gata concordo super com vc. Tô solteira a dois anos e me dá nos nervos quando as pessoas ficam regrando seus comportamentos (como tomar todas numa festa) dizendo: ta vendo é por isso que vc não arruma um namorado. Fico de cão com isso, e consequentemente: vc esta ranzinza pq não tem namorado. E se eu sair com um carinha assim na amizade colorida igual o keanu Reeves: ah vc não namora pq é facil. Caramba todo mundo tem alguma coisa idiota pra dizer. Acho muito melhor ser solteira do que ter certos namorados das minhas amigas, da série: Prontofalei! Phrus!!!

Deja disse...

Eu acho que as mulheres possuem todo o direito de terem amizades coloridas, casos... E até de sairem com garotos de programa, simplesmente por diversão.


Igualdade já!

Zingara on 18 de fevereiro de 2010 19:44 disse...

Venho falando sobre o comportamento feminino x masculino, MAS em certas coisas acho que não devemos nos igualar. Não trepo com garoto de programa pelo simples fato de SABER que eu posso engravidar dele. Parece loucura, eu sei. Mas não trepo com qualquer um não.

Zingara on 18 de fevereiro de 2010 19:46 disse...

TIPO ASSIM, esse texto tá longe de pregar que A SOLTERICE É A MELHOR COISA DO MUNDO. Eu só falo de RESPEITO. Leiam as entrelinhas. ;)

Deja disse...

Apenas penso em "liberdade", sem julgamentos de terceiros.

Seja lá qual forem seus preceitos morais... Tenho amigas que gostam de sexo casual, não as vejo como vadias, vagabundas... ao contrário de alguns homens que eu conheço, que "curiosamente" também praticam sexo casual.

Agora quem não gosta... também respeito, resumindo... cada um na sua...

E bem, gostaria que essa liberdade fosse bilateral.

Manu on 18 de fevereiro de 2010 22:37 disse...

Solteira há um ano e meio, depois de um único namoro (looongo), no início por (falta de) opção. O que dizer? Tive meus momentos de ficar desesperada, "ai, quero namorar", mas tive mais momentos de estar de bem comigo e com meu estado civil! E, sabe? O mais curioso é que me sentia mal por estar solteira não pela falta de alguém, mas pela cobrança! Cobrança, essa, da atual do meu ex, formada e desempregada, sustentada pela família,insinuando que eu era uma "coitada que ngm queria". Ahn, como assim? Eu, empregada, bem-resolvida, médica, linda e poderosa, sou / era a coitada? Nananinanão!! Meu, incomoda demais essa sensação de todo mundo te olhar como se vc fosse a fracassada, a "encalhada", quando você tá BEM, FELIZ, CURTINDO tudo o que tem direito! A sociedade ainda é absurdamente machista (depois querem falar mal do Islamismo...), e o pior de tudo é ver que as criaturas mais machistas do planeta são as mulheres, pra quem TUDO que aborreça outra mulher é "falta de homem", como se não houvesse nada mais além de um MACHO DO LADO pra deixar uma mulher feliz! Como se fosse melhor ter uma relação de fachada, viver brigando, seguir num relacionamento por comodismo a estar só! NÓS DEVERÍAMOS SER APLAUDIDAS E ADMIRADAS, pela coragem de batalhar a profissão, a diversão e ainda lidar bem com o fato de chegar em casa e não ter ninguém pra dividir a cama e falar sobre o dia! Só somos é fortes, muito mais do que as mentes pequenas que pensam pequeno, como bem expuseste no teu texto! Ai, desculpa o discurso!!

Rina Pri =) on 18 de fevereiro de 2010 23:19 disse...

nunca fui namoradeira, nem qdo era adolescente. tinha minhas paqueras, sim, mas namoradeira, de estar desesperada para "ter alguém", nunca fui. Tive dois namoros, um nao tao legal. E estou solteira já há uns 4 anos. Nao é por "convicção", mas pq nao quero qq coisa. Pq o que tenho encontrado é tao "humpf" q me cansei de dar ao trabalho. Curto minha solteirice numa boa e nao fico preocupada só com "ter um namorado". Ou marido, ou filhos ou todo o firinfinfin da familia perfeitinha...

Bel on 19 de fevereiro de 2010 00:44 disse...

O que me conforta é saber que 50 anos atrás, a situações pra nós mulheres era BEM PIOR, essa pressão que ocorre nos dias atuais ainda é rastro disso.
Ótimo texto Zin, como sempre!

negamanu disse...

A impressão que tenho zíngara, é que vc está de saco cheio das cobranças da sociedade, e para isso não é preciso dar importância,basta saber que elas existem! Basta aquele olhar qdo dizemos que não deu certo, que acabou! Vcs não tem noção de como amooooo esse blog, de como eu me identifico, com cada uma de vcs em cada um de seus textos.

Seguidora na comu, no blog e logo logo no twitter, vcs são d+. adoroooooooooooo \O/

Ana disse...

O fato é que SEMPRE haverão cobranças. Se vc está solteira, tem que namorar. Se namora, tem que casar. Se casa, tem que ter filhos...e só Deus sabe onde vai parar...mas, sei que pra nós é fácil imaginar que estas cobranças são provenientes de mentes menores do que um grão de feijão mas mesmo assim irritam MUITO, pois são pessoas que não se abrem a novas idéias e mudanças.Eu mesma tenho um relacionamento de 7 anos e 7 meses, e somos cobrados TODOS OS DIAS por casamento e filhos. E se eu estivesse solteira, seria cobrada TODOS OS DIAS por namoro e casamento.Mas, se a consciência tá tranquila, simplesmente dane-se o resto do mundo! Mas que irritam, irritam demais!

arrasou no texto Zin, como sempre!
=)

Joyce on 19 de fevereiro de 2010 14:59 disse...

Sempre leio o blog, mas nunca comento...dessa vez vou comentar!
Estou namorando há 3 anos, mas antes de querer ficar com alguém, de querer namorar, quando eu queria estar solteira, passei por situações como essas...da minha mãe achar que eu estava encalhada, do meu avô gritar pra todo mundo que eu era 'sapatão' e tinha vergonha de assumir e, até de ouvir que eu até era bonitinha, mas deveria ser um nojo em pessoa, por isso não arrumava ninguém!
Parece que é incompreensível para as pessoas que mulher opte por ficar solteira!
Acho uma palhaçada!

Adoro seus textos, by the way...

drama on 19 de fevereiro de 2010 16:13 disse...

Estou apaiiixonada pelos seus textos, em especial esse!!! Concordo plenamente com vocÊ!!

AL. on 20 de fevereiro de 2010 18:15 disse...

o que ocorre não é novidade pra ninguém.
Sou obrigada a dizer que o mundo é machista e inclusive as mulheres (ou seria principalmente as mulheres?)

se apaixonar é bacana, já vivenciei isso. Mas não estou pronta pra todas as outras coisas advindas de um relacionamento. Not now.



besos

Lusinha on 26 de fevereiro de 2010 13:45 disse...

Acho que ninguém dá crédito ao público feminino, porque existem muitas mulheres que dizem estar tudo bem em estar solteiras quando na verdade não está e tiram os créditos das que não se importam com isso.
Pois tem muita mulher por ai anunciando seu "tudo bem" para a situação, enquanto, na verdade, o que mais queriam era ter alguém.
Bjitos!

Steve's on 5 de março de 2010 17:51 disse...

É interessante ter este tempo "sozinha", ainda mais se quem aparece não vale a pena. Porém, às vezes nos fechamos assim podemos perder oportunidades de ouro. A vida não segue como queremos que ela siga. As coincidências, oportunidades, estão aí, e elas vão aparecer no momento em que a vida achar melhor, e não você. Por isso, é bom curtir o tempo sozinha mas cuidado para não se fechar ao ponto de você perder uma oportunidade de ouro de um relacionamento que poucos tem chance de viver hoje em dia, só porque você acabou não notando de tão fechada que estava.

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino