quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

COMPORTAMENTO FEMININO X MASCULINO: Mesma ação, diferente interpretação!

Não adianta, há uma discrepância absurda de como é visto um comportamento feminino e um masculino. Outro dia, um cara no MSN me abordou com a seguinte frase: "Quero você, você é a mulher da minha vida! Casa comigo?". Eu não conhecia o sujeito. Para quem vê o que ele me disse, interpreta como?

a) Ele é descolado
b) Ele é muito engraçado
c) Ele está zoando
d) Todas acima

Agora me diz se uma mulher comete um despautério de dizer para um homem que nunca viu a mesma frase (trocando o gênero obviamente): "Quero você, você é o homem da minha vida! Casa comigo?". Veja que a troca de gênero muda a intenção, todos pensam:

a) Ela está desesperada
b) Ela está a perigo
c) Ela está encalhada
d) Todas acima e ainda é mal amada

Se é um homem que dá em cima de todas é divertido, engraçado. Se sou eu que atiro para todo lado e caio matando, mandam me prender. Não proponho que haja UMA IGUALDADE, não é isso. Só não me conformo com A DISCREPÂNCIA ABSURDA que há entre nossas atitudes e a deles.

Seguem dois clipes que falam sobre sexo a três (a mulher com dois homens, o homem com várias). Quando é a Britney que canta, você pensa "That's a bitch!" (não que ela não seja...) e quando é o outro rapazinho que canta fica moderno, descolado, divertido. Ambos falam da mesma coisa, mas veja como soa diferente:

O comportamento Feminino
Segue letra: 3 (TRADUÇÃO) - Britney Spears (letra)




O comportamento Masculino
Segue letra: HOTEL ROOM SERVICE (TRADUÇÃO) - Pitbull (letra)



Então responda:
a) Nós, mulheres, temos que ser decentes
b) Nós, mulheres, temos que "fazer amor"
c) Nós, mulheres, temos que ser responsáveis
d) Nós, mulheres, temos que praticar a monogamia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Sarita às 00:04

17 comentários:

mulherpolvo on 4 de fevereiro de 2010 10:54 disse...

Nós, mulheres, temos mais é que nos conhecer muito bem, adquirindo segurança do que somos ou não, do que queremos ou não. Cada uma é única, e, acreditem, muitas mulheres cheias de atitude podem sim, ter um comportamento desses de vez enquando sem ser considerada uma desesperada!! Atitude é tudo... Tanto pra ser romântica como para ser atirada!

Cris Soleitão on 4 de fevereiro de 2010 11:20 disse...

Xi, já aviso que meu comentário é polêmico!!!

Pra início de conversa a falta da palavra meio-termo é o que mais tenho reparado em todas as discussões que entro ultimamente.

Sobre a 1ª situação, da criatura do msn: acho a atitude de um cara desse rdícula, porque ele está TENTANDO dá uma de engraçadinho, dar uma cantada que ele pretendia que fosse interessante, mas na verdade é tosca e de mal gosto tremendo e ridicularizar a mulher com quem está falando, tudo ao mesmo tempo!!!
Eles acham que TODAS as mulheres do universo querem casar [machismo perpetuado por séculos: a mulher precisa de homem pra se sentir segura], então acham que esse é o meio fácil de conquistar e, enquanto isso, racha de rir da cara da moça por sua inocência.

Numa situação dessas, eu é que tiro uma da cara do sujeito... pois, na verdade o inocente e desesperado [não consegue pegar ninguém pra precisar de uma cantada dessa] É ELE.

Quanto aos vídeos.
1º Ambos são... como virou moda dizer... bitch's! Por quê? Simples: a ambos falta DIGNIDADE! E depois ainda se acham no direito de reclamar quando os tablóides vasculham suas vidas, sendo que eles mesmos se prestam a esses papéis expositivos.
Tanto Britney quanto o tal "Pitbull".
E convenhamos, não dá pra levar a sério um cara que se auto-intitula "Pitbull".

2º Tenho pena e nojo de mulheres que se prestam a esses papéis vulgares de fazer comerciais, clipes e filmes posando de gostosa, vulgar e desesperada por um cara machista e babaca [depois reclamam que os homens só olham pra sua bunda e não ligam pro seu cérebro].

Falta na HUMANIDADE - independente de homens ou mulheres, velhos ou jovens - DIGINIDADE E RESPEITO!
Por si mesmo e uns pelos outros.

Não, não sou religiosa... apenas vivo no meio termo e não permito que ninguém, a quem eu não tenha dado liberdade suficiente, passe dos limites.
E acho que certas atitudes as pessoas deveriam pensar bastante antes de tomar para depois não reclamar das consequências!!! E fazer pose de inocente depois de ter feito um monte de merda... e fazer cara de cachorrinho que caiu da mudança, chantagem emocional e etc... não sei com os outros, mas comigo não cola!

Só o que me preocupa nesses vídeos e "músicas" e etc... É o mal exemplo de comportamento que dão às novas gerações.

Não sou a favor do casamento, do exagero de recatamento [acreditem se quiserem, mas ainda existe igreja que implica com casais que já vivem juntos ou que têm filhos e pretendem se casar].
Mas também não sou a favor dessa vulgaridade explícita, dessa total falta de respeito por si mesmo e pelos outros e muito menos dessa orgia ao ar livre em que algumas parecem viver...

Oi, o mundo não é uma anarquia [ainda], felizmente!

Anamyself on 4 de fevereiro de 2010 15:48 disse...

Nossa, MUITO verdade tudo que você falou.

Ridículo!

Precisamos mudar essa mentalidade de que mulher que se joga é puta/encalhada e afins, e que homem que se joga é o gostosão.

Mas como?

Jullyane on 4 de fevereiro de 2010 16:58 disse...

Pior é que é tanto preconceito arraigado que a maioria das mulheres tbm são preconceituosas! Fato!

Acho que ainda vai demorar mtooo pra mudar essa realidade... =[

Beeeijos

Sophie D' Von on 4 de fevereiro de 2010 21:20 disse...

Temos que ter a decencia (a) de ter amor próprio(b) de sermos responsáveis (c) e nao praticarmos a monogamia (d)

Brincadeira. Olha eu nao confio em ninguém, entao fica dificil se decepcionar, já que voce nao espera nada da outra pessoa...

To conhecendo hoje aqui.

Se voce quiser me dar um "oi" o meu blog é:

www.cafedvon.com.br

Bjao

Chico Mouse on 5 de fevereiro de 2010 11:29 disse...

Mas eu acho o termo "fazer amor" tão bonitinho... :P

babiih on 5 de fevereiro de 2010 15:07 disse...

Então responda:
a) Nós, mulheres, temos que ser decentes
b) Nós, mulheres, temos que "fazer amor"
c) Nós, mulheres, temos que ser responsáveis
d) Nós, mulheres, temos que praticar a monogamia


NÓS MULHERES TEMOS QUE SER FELIZES DA FORMA COMO QUISERMOS!!!

Debora on 5 de fevereiro de 2010 15:43 disse...

Não é questão de gênero,mas é questão de ética,tanto homens como mulheres ficarm RIDÍCULOS falando sobre essas coisas em público,não é bonito pra niguém ficar falando de sexo a três por aí... principalmente numa música.

Andréia Freire on 5 de fevereiro de 2010 22:26 disse...

Amei o comentário da Cris.

Eu acho que tanto mulher, quanto homem fazendo essa cantada é RIDÍCULO. Mas sei que tem muita gente que pensa igualzinho ao que tá nas opções.

Acho que a "fama" da Britney contribui muito também, né? Se fosse uma Alicia Keys as pessoas achariam mais aceitável, penso eu. Mas enfim, a única coisa que discordo da Cris. Não vejo nada demais em se falar de sexo a três, seja homem ou mulher. Não concordo com o primeiro ponto, mas concordo com o segundo. É que não acho que sexo a três seja falta de dignidade. Talvez com tanta exposição seja, mas o ato em si, não.

Hugo on 6 de fevereiro de 2010 11:51 disse...

Sou do tipo que fala a verdade. E já faz tempo que tento muito entender essa VERDADE que você falou.

Um dia, pensando, cheguei ao que seria a conclusão de o porque isso nunca vai mudar. Não importa o quão moderno o mundo fique.

"Comi pra fazer o mal!". Os homens já conhecem a expressão. Para as mulheres que não conhecem: Significa que um cara transou com uma mulher que ele nem achava tão atraente só porque a natureza (no sentido mais crú de todos, afinal de contas somos animais como qualquer outro bicho) e os hormônios tornam isso suficiente para ter relações.

Esse comportamento não existe no mundo feminino, por que se houvesse os relacionamentos não dariam certo. As mulheres tem uma estatística de sucesso ao levar alguém pra cama muito maior do que os homens.

Caso um: Se uma mulher (dita moderna) quiser, ela nunca sai de uma boite sem um cara para transar. Sabe o quão complicado é pra um homem conseguir isso? Mesmo os mais esbeltos de todos.

Caso dois (o citado gang bang): Sabe o quão difícil é um homem convencer duas mulheres a irem pra cama ao mesmo tempo com ele? E a facilidade que é pra mulher? Faça o teste. Chegue em dois homens hoje e diga que quer ir pra cama com eles. Em 10 minutos vc estará num motel.

Se a mulher fosse se tornar completamente moderna, como você pregou no post, as que não quiserem fazer isso vão se tornar preciosas "no mercado". Ou seja, procuraremos essas pelo simples instinto masculino de ter uma fêmea mais reservada, que não nos supera no que diz respeito à procriação. É da natureza masculina. Nem mesmo o mais santinho, compreensível e "mente aberta" dos homens consegue tolerar isso. É questão de instinto. Não se pode vencer a natureza. Os que dizem ser totalmente OK vão estar mentindo.

Isso é um instinto que foi muito reforçado com a sociedade. Se em alguns lugares é "permitido" que o homem se case com mais de uma mulher é pelo simples fato que o macho sempre dominou o bando. Não é a "Gorila" que decide onde o bando vai dormir. A sociedade só tornou isso mais reflexivo.

Minha aposta é que o crescente número de homossexuais se deve ao fato da modernização da sociedade. E que ele vai crescer cada ver mais que a mulher for obtendo essa liberdade discutida ai no post. É simplesmente ir conta a natureza. E não venha me chamar de homofóbico. Respeito muito a opção de todos. Até mesmo das mulheres como a autora. Só acho que com tanta modernização. Cada um tem que procurar o parceiro que se encaixa melhor: Gay com gay, lésbica com lésbica, recatados que se guardam pro casamento, liberais com liberais, swigers com swiger etc...

Veja a opinião feminina de Cris. Ela mesmo acha que a mulher tem sim que manter sua imagem. E pelo que ela escreveu, procura por um homem que mantenha a sua também. É simples assim. Se vc é um swinger, não procure uma mulher recatada para namorar. Não vai dar certo. Se você é uma mulher que acha que deve ser liberal, transar com 2 homens por experiência, tudo bem. Mas não procure homens que tentam manter a imagem. Não vai dar certo.

Nunca se esqueçam que no fim das contas, somos animais também. Com o simples problema de pensar de mais. Pensar tanto ao ponto de discutir nossa natureza.

É como penso, mas tem tanta gente nesse mundo!!!

Zingara on 6 de fevereiro de 2010 12:17 disse...

"Se a mulher fosse se tornar completamente moderna, como você pregou no post, as que não quiserem fazer isso vão se tornar preciosas "no mercado"."

NÃO PREGUEI NADA COM ESSE POST, só elenquei um assunto para que as pessoas ANALISEM.

Parem com isso.

Cris Soleitão on 7 de fevereiro de 2010 09:23 disse...

Andreia, eu estava me referindo à exposição em público mesmo...

Em casa, cada um faz o que quer.
Mas se engravidar e pegar doença, não venha chorar no meu ombro, hauhauaau...

Bel on 7 de fevereiro de 2010 12:51 disse...

A tal da Tessália do BBB é um grande exemplo disso. Por que ela ficou com fama de boqueteira (como algo degradante) e ele saiu como garanhão?

Deja on 8 de fevereiro de 2010 17:10 disse...

Acho que vivo em outro mundo, amizades que eu tenho pregam a liberdade sexual, sem rotulação, para ambos.
E eu as respeito muito...

Sobre monogamia, o que sempre conversamos é o seguinte... traição é quando existe mentira, quando se descumpre um trato, por padrão é estabelecido que devemos ser fiéis, mas as regras podem ser mudadas e tudo bem se ambos estiverem de acordo.

Conheço algumas pessoas que vivem bem assim, uma chama o pseudo-namorado de "comes", mas já foi monogâmica, fiel.
Nem por isso ela é vulgar, na verdade é uma mulher de muita classe, cultura, têm berço.

Ah, acho a expressão "Fazer amor" tão cafona, bem como "transar", prefiro que todos trepem.

Atualmente, convivo com mulheres assim, com pessoas assumidamente bi e gays, não julgo caráter pelo comportamento sexual, e só tenho preconceito com gente desonesta.

Lauren on 14 de fevereiro de 2010 20:36 disse...

Olha..já fui d me preocupar muito com o q vao pensa, o q os homens vao comenta...mas hoje em dia sou tao bem resolvida, pago minhas contas, conheço muita gente, e tenho tanto jogo d cintura que consigo ser tao livre qnto os homens..claro...n tenho vontade d sair com todo homem da balada e ir pra uma cama, mas se der vontade, sou adulta o suficiente e tao bem resolvida q saio msm, faço o q da vontade msm...jah passei da fase d fik ouvindo burburinhos ou fofocando sobre essas coisas...axo q a maturidade bateu a porta...ateh cedo demais...mas paciencia...faço o q quero, fiko com qm quero, e canto qm eu quero...embora eu axe q td jogo da seduçao merece uma grande maestria de troca d olhares e papos comprometedores...enfim...jah fiz cada coisa e hj, no mundo clixe q td mundo vive, os homens n tem mais saco pra fik ouvindo mimimi d mulher..consigo ser original e unica...a questao eh soh fazer bem feito como os homens...homem q come kieto come 2 vezes...hj em dia eles nem comentam como comentavam antigamente...aprenderam a fazer do jeito certo...e pq nós n?! a diferença eh q eles tem a breve ilusao q hj somos as inocentes...qnd na verdade somos tao espertas como eles...e acredite...embora aprontemos qnd solteiras e façamos mta coisa q uns julgam errado mas na realidade eh um rotulo q a sociedade nos colocou, somos q nem vcs qnd fikmos apaixonadas, eskecemos os reservas e peguetes e acabamos virando mulheres fieis, bem resolvidas e o tipo d mulher q t entende e vc entende e pod fazer um relacionamento dar certo...
essa historia d q n vao gostar das mulheres modernas?! acreditem...elas jah estao por ai...aos montes...vcs q n sabem...e o pior...se apaixonam pelo jeito delas d ser independentes, querida por todos...soh fala isso qm n sabe o q eh se apaixonar...e pq n sabe q hj em dia n se vive d passado, se vive do futuro q se faz com qm se ama ;)

Anônimo disse...

Essas mulheres só reclamam, se não fosse nós inventarmos a porcaria do blog pra elas ficarem de nhenhenhenhe, elas iam cala a boca e fica na dela, o minimo que elas deviam fazer é servir a nós homens e calar a boca.

Stela. on 6 de julho de 2010 20:55 disse...

nunca ri tanto com um comentário tão babaca quanto o do hugo! LOL

#morri

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino