quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Partindo corações com Helena Inflável


Eu já tinha falado dele aqui em outro post, sobre como éramos amigos e chutávamos pedrinhas juntos, e como eu ficava feliz dele me abraçar e eu não sentir absolutamente nada, só amizade. Pois bem, depois de alguns copos de cerveja, dançar, mais cerveja, o abraço de moleton verde se tornou beijo, se tornou abraço sem moleton, se tornou um namoro relâmpago (faz tempo que eu não falo de homem né, acho que por isso perdi ibope), e hoje, acabou.

Eu tenho 26 anos, ele não assisitu a copa de 1994 com a mesma clareza que eu. Estava na cara que ia dar merda, aguentei o quanto pude, fui paciente o quanto deu, compreensiva. Eu me conheço, sou uma pessoa chata pra cacete (que novidade!), escândalosa (hoje dei piti na aula de álgebra linear, e o professor que tem a paciência de um monge budista e sabe meu nome, só soube dizer: Helena, pelo amor de Deus faz os exercícios e pára quieta! Chorona!), teimosa.

Terminei com o coração na mão. Querendo ou não, apesar da alma de Alice no País das Maravilhas, sou muito vivida. Posso dizer que vivi dez anos em três, que enquanto a pirralhada está indo, eu já fui e voltei três vezes. Sou mulher. Não é justo ser tão vivida, perto de um guri que não descobriu nada, que merece descobrir as coisas com jeito, com alguém que saiba tanto ou menos que ele. Estou triste, mas foi o melhor a fazer.

eu e meus dramas com homem né, tá díficil achar um príncipe viu.
Desculpe querido do cobertor azul, não era você.

heleninha@corporativismofeminino.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Heleninha às 23:54

10 comentários:

Zingara on 4 de dezembro de 2009 00:42 disse...

PREFIRO que as coisas TERMINEM LOGO do que ficar tentando, tentando e perdendo MUITO TEMPO.

Eu gosto de caras mais jovens, mas não é todo cara jovem que vai me deixar apaixonada, claro!

Bola pra frente, muitos virão!

Sara Valle on 4 de dezembro de 2009 04:07 disse...

Não adianta empurrar 'romances' com a barriga. Fato. Não adianta se torturar por algo que sabe que não irá dar certo. Quem perde tempo é você, certo?
É melhor que tudo acabe de vez antes que o 'amor' finque suas raízes. Fez certo.
Dica: Pra quê príncipes chatos e educados se eles são monótonos na cama? O lobo mau é uma boa pedida. Experiência própria.

Tááá...parei.

Helo on 4 de dezembro de 2009 13:19 disse...

Olá! Sim ainda acho q a melhor saída é terminar enquanto é tempo pelo menos de não nos machucarmos mais ainda... Dramas com homens??? Afff bem vinda ao clube! kkkkkkkkkk bjussss

Danicrystal on 4 de dezembro de 2009 15:33 disse...

Ai, Heleninha, senti um arrepio na alma. Será que isto acontecerá comigo tb? Que situação parecida...

Deja disse...

Só um comentário sobre a imagem que ilustra a postagem: Bunda perfeita.

Anônimo disse...

Nada a ver, mas sabe quando você lê algo e de imediato pensa: "vão voltar"? Pois é, foi o que eu pensei.

Se você fez bem? Não sei. Só espero que dê tudo certo no final.

Beijocas,
Joana (Pucca)

Anônimo disse...

Nada a ver, mas sabe quando você lê algo e de imediato pensa: "vão voltar"? Pois é, foi o que eu pensei.

Se você fez bem? Não sei. Só espero que dê tudo certo no final.

Beijocas,
Joana (Pucca)

Gisele on 6 de dezembro de 2009 14:35 disse...

Heleninha, me desculpe, não sou psicóloga, mas acho que você é muito carente! Talvez o caso com este rapaz foi só uma paixonite aguda...Coisa de carência e não amor de verdade.... Estou falando porque já fui assim, me apaixonava com uma facilidade.... Fiz terapia e descobri que tinha a ver com a minha infância- fui abandonada pelo meu pai, e inconscientemente procurava uma figura masculina para substituí-lo, mas era sempre o homem errado, pois tbém inconscientemente, era isso o que eu achava que merecia, abandono e sofrimento.... Isso virou um círculo vicioso, até que declarei independência, repetindo pra mim mesma que não precisava de ninguém para ser feliz! Não foi da noite pro dia, mas deu resultado! Passei à me amar mais e não mendiguei mais o amor alheio... até que... teve uma época que choveu homem na minha horta! Êita lelê!!! Até que conheci meu marido e ele se apaixonou por mim primeiro. Fiz ele ralar um pouco pra me conquistar, aí me apaixonei, nos casamos e estamos juntos há 10 anos.
Por isso, seja um mulherão emocionalmente, por dentro também, não só por fora! Seja esperta! Faça os homens se apaixonarem por vc primeiro, e ñ o contrário! Conselho de quem viveu a experiência, ok?!

Art on 9 de dezembro de 2009 10:29 disse...

Natalie Portman e essa bunda. Valeu o post. (mas eu prefiro a bunda da Natalie Portman, ainda)

Anônimo disse...

Se você acha que encontrar a pessoa certa é problema e que é impossível achar, eu lhe digo:você deve se perder. Pois é certo que é preciso primeiro se perder para encontrar pessoas que não se acha, caso contrário todos saberiam onde elas ficam.

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino