terça-feira, 4 de agosto de 2009

Ciúmes... de você?

"Se você demora mais um pouco
Eu fico louco esperando por você
E digo que não me preocupa
Procuro uma desculpa
Mas que todo mundo vê
Que é ciúme, ciúme de você
Ciúme de você, ciúme de você"

Essa música eu conheci na voz de Roberto Carlos, mas só consigo lembrar na voz fanhosa do vocalista do Raça Negra. E é essa versão que toca na minha cabeça sempre que um ataque de ciumite se aproxima. Com variações estranhas, em uma escala de ciúmes absolutamente inexplicável, até mesmo para mim, esse sentimento brota em situações que ninguém compreende e, portanto, não pode condenar. Como em um esquisito episódio de Ally McBeal, o pandeirinho começa a tocar na minha mente pouco saudável, segundos antes do conteúdo do meu copo atingir a face da biscate que se esforça para estragar meu relacionamento. A música é meu sinal de alerta, mas não evita a cagada.

Eu classifiquei os quatro mais comuns, mas vocês podem complementar esse texto com seus próprios casos de ciumite:

Ciúme Material

Eu tenho ciúmes das minhas roupas, bolsas e sapatos. Ciúme de verdade, de chegar ao ponto de considerar o fato de eles estarem no corpo de outra pessoa uma espécie de traição. Mas, se você acredita que eu sou descontrolada, saiba que isso é muito mais comum do que se imagina. Uma busca rápida internet para descobrir que eu não estou sozinha nesse mundo fútil e materialista. Na listagem dos descontrolados virtuais, as pessoas têm mais ciúmes de seus ipods, vinis, bolsas, CDs e sapatos. Praticar o desapego? Para os fracos. A menos que o dinheiro esteja bem curto e você tenha que decidir entre vender seu corpo ou parte do seu armário.

Ciúme do que te Pertence

Natural desde que não chegue ao nível Lôco de Bala, mas faz a gente passar por cada situação ridícula... Fui consultar alguns conhecidos e ouvi cada caso que beira à irracionalidade. Como uma amiga muito querida que chamaremos de Charlene que, em uma festa da família do namorado recente, começou a estranhar a intimidade do rapaz com uma mulher um pouco mais velha e muito bonita. Depois de três horas de festa e alguns copos de uísque, Charlene interrompeu a conversa dos dois sacodindo seu copinho no rosto da loira... que era a irmã de seu namorado. O namoro ainda dura, mas a história virou a piada da família. Assim como Charlene. Parece cena que só acontece nos filmes, mas como diz o canal TNT, acontece no cinema, acontece na vida ou algo do tipo. ¬¬

Ciúme do que te Pertenceu

Viagem louca de 9 entre 10 mulheres, costuma também atacar até os homens mais racionais. É conhecido também como sentimento de posse, aquela pontadinha de dor de cotovelo que nos acomete quando vemos um ex acompanhado. Mas, dependendo do visual da criatura, você pode transformar isso em canto da vitória. Uma baranga no pedaço significa uma vitória moral e psicológica tão inexplicável quanto o ciúme de uma bonita. Não faz sentido, não foi projetado para isso. E, mais importante, não significa que você SINTA algo de fato pelo ser em questão. Posse é posse, desejo é desejo e amor é amor.

Ciúme Lôco de Bala:

Ciúme doentio é doença. Mas poucas pessoas percebem que ultrapassaram o limite entre o saudável e o bizarro. É muito mais fácil para quem está de fora perceber que existe algo errado. A gente tem o MADA (Mulheres que Amam Demais) aí para isso e, por algumas experiências desnecessárias em relacionamentos, acredito que alguns homens deveriam frequentar um centro de apoio também. Nem todos sabem da existência do HADES (Homens que Amam Demais), mas o movimento, originado também por um livro, conta com uma comunidade no Orkut com mais de 3.500 membros que avisa: "Eles são humilhados, se culpam e sofrem, mas sempre justificam as atitudes de suas amadas. Na maioria das vezes, vêm de famílias destrutivas e acreditam que essas mulheres possam amá-los um dia". Então, se cuidem meu povo.

E, eu apenas peço sinceramente que, caso algum psicólogo leia este blog, arrisque um diagnóstico para esses momentos de sandice musical. Esse meu ringtone pré-cagadas é irritante e não modifica o desfecho da cena. Se eu pressentisse o ato falho chegando com mais antecedência, poderia alterar o rumo dos acontecimentos. Mas não dá tempo. Eu ouço a musiquinha e já estou fazendo a merda, só serve para me alertar e piorar a situação. E ficar com essa música na cabeça o dia inteiro, sofrendo.



Sofrimento, gente. Enfim, vocês sabem meu e-mail.

Besos,

Patsy

patsy@corporativismofeminino.com
http://twitter.com/patsyzombilly
http://twitter.com/Corporativetes

CF trés chic, seu cantinho de moda aos domingos :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Patsy às 00:15

23 comentários:

Tibes ;* on 4 de agosto de 2009 00:40 disse...

Eu tenho um ciúme (QS) doentio do meu pc, msm ele me zuando e sendo uma bosta as vezes, mas meu sangue ferve quando alguém se aproxima dele, é mais forte que eu não dá pra controlar, qd vejo já tô bufando em volta do ser.
Sem falar que tenho (mt) ciúmes do que me pertence também, mas isso a gente abafa =X
Besos ;*

Tyna on 4 de agosto de 2009 03:14 disse...

Sou mega ciumentao, mais até que eu mesma sei rsrsr
...

Já fiz barracos em nome do maldito ciume, aff

Beijos

Bel on 4 de agosto de 2009 08:59 disse...

Ciumes tudo bem, mas essa trilha sonora aí é fogo heim, hahahahahahhaa

Anônimo disse...

ciume de amigos(AS) horrores de ciume, parece que vou ser trocada qndo os(AS) vejo com outros amigos é como se não gostassem mais de mim

Franciele on 4 de agosto de 2009 10:14 disse...

Morro de ciumes da minha cama e dos meus objetos e roupas de estimação... E nem tenho tanto de namorado... rsrs

Heleninha on 4 de agosto de 2009 10:14 disse...

Tenho ciume da minha cachorrinha e das minhas roupas. De homem, aprendi a ter ciúme, não dá pra ser descompromissada qdo assunto eh namoro.

Patsy on 4 de agosto de 2009 11:55 disse...

Essa música acaba com a minha vida hahaha

Zingara on 4 de agosto de 2009 12:00 disse...

Eu já nem ligo pros meus objetos. heheh Mas sou ciumentona compulsiva com NAMORADO e ATÉ com ex. Vai entender...

.Intense. on 4 de agosto de 2009 14:37 disse...

Engraçado é que, na hora q eu terminei de ler o post, tinha uns minutinhos que tinha escrito no twitter que não empresto pra ninguém meu mp4 novo, nem meus livros da Stephenie Meyer.rs

Tenho MTO, MTO ciume material. Morro de ciume das minhas coisas. Minha maquiagem, meus bichos de pelúcia, meus cobertores, meu computador, meu mp4...vush! Tenho ciume do que me pertence tb...mas nunca saiu do normal [rachei de rir dessa história, ahuahauhauha] e, nunca tive ciume do que já me pertenceu...morria de medo, medo mesmo, de ficar gelada e tudo, só de imaginar de ver meu ex na rua com a atual...tinha medo de ficar mal depois, ficar triste, doer e tal. Sabia que quanto a dar chilique de ciume eu podia ficar tranquila, que não rola...mas acabei vendo. E não senti nada. Nem ciume, nem raiva, nem ressentimento. Pelo contrário: meu sentimento foi o mais maluco do mundo - o mesmo do ultimo post. Eu sorri. E tive vontade de que ele estivesse feliz...

doideira.
sabe, Patsy? te acho descontrolada. mas isso não é uma critica, é na boa mesmo =~

;*

.Intense. on 4 de agosto de 2009 14:37 disse...

nossa, que tamanho de comentário
=x

tereSafur on 4 de agosto de 2009 15:50 disse...

bah, eu morro de ciúme das minhas coisas... mas o problema não é emprestar, é que sei que ninguém cuida bem, já perdi muita coisa emprestando e as pessoas me devolverem estragado... um horror rsrsrs

bjs

Anne on 4 de agosto de 2009 16:20 disse...

Bom, eu tenho ciúme dos meus livros, pq sou apaixonada por livros e odeeeeio qdo empresto e eles voltam com orelhas ou aquelas maravilhosas gotinhas de café em alguma pagina... O meu pc tb nao gosto mto de emprestar, mas aí pq fui eu q paguei e é dolorido se estragar...rs.

De namorado eu procuro nao ter, mas de vez em qdo eu imagino cenas assassinas contra as biscatonas. Externamente eu nao faço nada, apenas ignoro ou viro as costas e vou embora. Mas q dá vontade de usar a sua trilha sonora e consequente desfecho...isso dá!!!

Bjos

Bel on 4 de agosto de 2009 16:36 disse...

Eu tenho ciumes dos meus livros e dvds (mesmo os piratas), entre outras coisas materiais por um simples motivo: as pessoas não tem noção, são pouquissímas as pessoas que devolvem, já perdi a noção de quantas coisas perdi assim. Por causa de uns, todos pagam o pato: não empresto.

Anamyself on 4 de agosto de 2009 16:59 disse...

Morro de ciúmes dos meus cds, que SEMPRE que eu emprestei para alguém voltou sem os dentinhos do centro que impedem o cd de riscar - ódio! - dvds, que muitas vezes jamais são devolvidos, e livros, que voltam cheios de orelhas e com pedaços de comida grudados nas folhas.
Nem acho que seja ciúme, na verdade. Eu fico é puta que as pessoas não sejam capazes de cuidar direito das coisas que não pertencem a elas. Daí fica com fama de egoísta pq não quero emprestar minhas coisas! Ooooi?

Ciúme de homem... Olha, posso nem gostar, pode ser um mero pegéti X, mas se eu ver conversando com uma loura boazuda, ah, fecha o tempo.

Ah!
Tem coisa melhor do que se intrometer numa briga de casal por causa de ciúmes e começar a cantar esse suuuuuuuuuuuuuucessuuuuuuuuuu imortalizado por Netinho?
Hahahahahah

Drama Queen on 4 de agosto de 2009 17:26 disse...

Quem nunca fez nenhum barraco por ciúmes que atire a primeira pedra!

E desapego, não pratico MEXXXXMO!

"Ciúme doentio é doença." Patsy e suas deduções fantásticas HAHAHAHA

Anamyself on 4 de agosto de 2009 18:16 disse...

Gente, comoassim eu confundi Negritude Jr. com Raça Negra?
Tô inconformada!

re disse...

Eu sou igual ao anônimo. Morro de ciúmes das minhas amigas.
Fico pensando 'a gnt se conhece há mais de 15 anos e elas ficam dando confiança pra essa biscate que conheceu a 2 meses".
Pior é que tenho que ficar quieta e fingir qe gosto da amiguinha nova. ¬¬
É muita doença!

Anônimo disse...

Ciumentissima!
Do meu pai e do meu namorado!
Que são os homens mais importantes pra mim, e é neles que eu me apoio sempre qdo estou frágil. sabe como eh!
e ainda pra piorar meu namorado tem uma EX fdp!
Que nao colabora!
E pra foder o resto, eu sou insegura! (y)

Anônimo disse...

Sempre tenho ciúmes das EX do meu atual, é incrivel, e isso parece que isso atrai as EX sarnentas, sabe daquelas que vive pra te assombrar.

Patsy on 5 de agosto de 2009 00:25 disse...

Demorei MUUUUUUITO tempo pra aprender a lidar com sentimento de posse, mas agora escaldei. Mas ainda assim gostaria que alguns ex ficassem com a vida congelada pra sempre hahahaa só uma questão de ego, pra poder gritar que eu fui a melhor mulher da vida dele (e a última hahaha)

Agrilla Bass on 5 de agosto de 2009 12:18 disse...

eu tenho ciumes das minhas coisas, pq as pessoas não cuidam. cansei de emprestar dvd e voltar com a coisinha que segura o dvd quebrada. NAO EMPRESTO MAIS. e tb n"ao gosto que leiam minhas revistas antes de mim ahahah

Anônimo disse...

tmb tenho ciúmes de muita coisa quer dizer;de muitas pessoas.por exemplo da minha mama é claro,tmb do meu marido,do meu filho da minha sogra das minhas amigas da minha chefe da minha cunhada.opa...do meu pai é lógico.dos meus irmãos.eu acho q quanto mais pessoas a gente se relaciona mais nós sofremos;mais isso é inevitável!

Anônimo disse...

fico feliz em saber que existe pessoas que sentem ciumes por outras coisas sem ser pessoas,pq eu sou exatamente assim sinto ciumes de todos meus objetos ate do meus papeis velhos que nao servem mais p/ nada e fico irada quando alguem vai mexer na minha bolsa é tipo incontrolavel sabe,minhas coisas sao minhas é pessoal e é uma pena que as vezes confudam isso com egoismo,pq nao e nd disso,se eu vejo que alguem precisa de qualquer coisa comida ou dinheiro eu nao tenho problema em dar se eu vejo que alguem quer muito ler um livro meu eu empresto, claro que peço q tenha cuidado, pq p/ mim tem tremenda importacia so nao gosto quando minha mae ou irma vai remexer minhas coisas seja quais forem e emprestam ou ate msm dão sem me consultar!Eu axo isso desrespeitador.

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino