sexta-feira, 24 de julho de 2009

Momento Uh-Oh


Vocês já devem ter visto Alfie – O Sedutor, aquele filme com Jude Law que o Universal Channel adora reprisar, se viram, então vocês devem saber o que é o momento uh-oh.

É assim, você conhece aquele cara lindo e maravilhoso, ele se interessa e você logo pensa “me dei bem”, mas aí continua saindo, a coisa vai ficando mais séria e TCHUNS, o momento uh-oh: ele sempre bebe além da conta/chora quando goza/não gosta muito de banhos etc. Qual a primeira coisa que você pensa quando nota um desses defeitos? Uh-oh.

Xô contar a minha mais recente (que já faz um tempinho, por sinal) decepção nesse sentido. Eu conheci o cara, ele era engraçado, inteligente, bonito, tudo na medida certa. Começamos a nos ver cada vez mais (o que também não era muito) até que começamos a namorar. E foi aí que passamos a ficar mais tempo juntos e sozinhos, nada de restaurantes, barzinhos ou festinhas. Um erro. Haha

Um belo dia, nós estávamos na minha casa e resolvo eu colocar minhas músicas favoritas para tocar (rock alternativo). Tudo bem até ele falar “Mas não dá pra entender nada que eles falam! Como você consegue gostar disso?”, (primeiro momento uh-oh) pensei “além de não entender inglês em pleno 2008, não gosta de rock”, daria pra superar, se ele não falasse “coloca Vitor e Leo”. X_______X Respirei fundo, pensei seriamente em chutar da minha casa ele e seu péssimo gosto musical, ponderei, e então desliguei o som tentando relevar os últimos minutos.

Outro belo dia, ele dormiria na minha casa, e eis que na hora de dormir ele pede pra usar meu telefone, deixei e perguntei se ele queria privacidade, ele disse que não precisava. Ele ligou para a mãe e finalizou a ligação com um “eu te amo, mamãe”. Poderia até ser fofo e tudo mais, se ele não tivesse feito A MESMA COISA nos dois dias seguintes que dormiu comigo. E quando eu comentei que ele era bem apegado à família, ele disse que falava com a mãe todos os dias antes de dormir. Isso foi um big momento uh-oh, mas eu estava carente e tentei deixar passar.

Num final de semana resolvi apresentá-lo aos meus amigos. Meus amigos são do tipo que bebem, contam piadas e falam coisas aleatórias. Pra minha tristeza descobri que o meu então namorado não, ele era um tiozinho disfarçado num corpo jovem. Ele SÓ falou de concursos públicos, de como a cespe elabora as provas, de qual estado pagaria melhor o cargo que ele concorria etc. Nem preciso dizer que meus amigos me fuzilaram com o olhar, né?! Quando ele me deixou em casa teve a coragem de dizer “Não gostei desses seus amigos, só falam bobagens, você deveria selecionar melhor suas amizades”. Foi o último momento uh-oh! Meus amigos podem não gostar dele, mas ele tem obrigação de gostar dos meus amigos, ou ao menos fingir, e muito bem! Hunf.

Terminei com gosto. Chato de galocha. Agora ele é promotor num desses estados que ele tanto disse que pagam bem. Que não volte tão cedo, amém.

E vocês já tiveram muitos momentos uh-oh? Contem!

***

Aviso: Hey, tá acabando o prazo pra se inscrever no sorteio do Mapa trimestral da Personare!

Gente, brigadão pelos e-mails, fico hiper feliz mesmo =]
dramaqueen@corporativismofeminino.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Yasmin às 00:01

28 comentários:

teresafur on 24 de julho de 2009 01:29 disse...

ai momento vergonha própria rsrs
já tive um q era nesse nível, abaaaaaaaaaaafa o caso... tipo de querer (e me levar) pro pagode, odiar rock e falar mal dos meus amigos (pra mim tmb foi a gota dágua)...
NUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUNCA mais confio em um homem com gosto musical duvidoso ahhahahhahah

bjos, bom findi,

Teresa.

Ise on 24 de julho de 2009 06:03 disse...

Olha, só to passando pra dizer que virei leitora fiel do blog. Me peeeerco aqui! HUAHDUHAIDHUIAHD
Sério mesmo. Estão TODAS de parabéns! *-*
To na comuni do orkut de vcs! E tbm já postei e tudo lá.
Virei fã. HAUHDIAHDUIIDHIA

;*

Bel on 24 de julho de 2009 07:29 disse...

Uh-Oh é meu nome do meio! <:(

Dama de Cinzas on 24 de julho de 2009 07:59 disse...

É o que sempre digo: Desconfie de um homem "tudo de bom" sozinho e disponível... Com certeza ele tem um grande defeito, ou vários. Pague pra ver e verá! Mulher é bicho esperto, todos os homens realmente interessante, estão sempre ocupados.. eheheh

Beijocas

Deja disse...

Bem, pelo menos você não descobriu que ele era um maníaco.

Minha ex largou o namorado para ficar comigo, ele era bem esse tipo.
Ela querendo trepar, e ele assistindo Discovery Channel.

Anônimo disse...

Bem, eu poderia trocar o seu ex namorado pelo meu ex namorado, a 1ª vista ótimo, bonito e agradável... Mas o tempo foi passando e eu percebi q ele era só mais um mentiroso, a última q aprontou foi passar um final de semana no meio do mato com a ex ficante. Eu trocaria meu ex cafajeste, pelo seu ex chato de galocha... Só seria difícil aguentar "Victor e Leo".

Paulo César Nascimento on 24 de julho de 2009 10:09 disse...

Por isso que eu acho que as pessoas deveriam vir com bula. Bjs

Mariana on 24 de julho de 2009 10:55 disse...

Olha... realmente existem momentos uh-oh... e realmente a pessoa ter um gosto musical muito diferente do nosso é uh-oh.
Mas no resto.... só vejo q oq aconteceu neste caso foi um problema de diferença de maturidade, ao q me parece o cara era um pouco mais maduro.

Drama Queen on 24 de julho de 2009 11:19 disse...

Eu, e todos que o conheceram de perto, já achamos que ele é um pouco MENOS maduro. E muito mala. ;)

Gabi Cherry on 24 de julho de 2009 12:16 disse...

Oi flor, estou fazendo meu primeiro sorteio e gostaria muito que participasse!

http://sweetybazar.blogspot.com/2009/07/1-sorteio-sweety-bazar-ganhe-victorias.html

beijos

Edu disse...

Eu sou um desses chatos :[
Não que eu realmente seja um chato... mas é que quando eu conheço gente (tipo amigos de namorada, amigos de amigos...)não consigo puxar assunto, ou conversar. Fico travado!
Pra piorar... eu também não bebo.

Xo ir ali me matar e já volto!

Deja disse...

"além de não entender inglês em pleno 2008, não gosta de rock”"

O comentário dele é comum, estúpido, mas comum... nem precisa entender a letra para curtir uma música, ou... ainda é possível pesquisar a tradução... Agora não entender inglês, isso ocorre com muita gente sem condições para fazer um Cel Lep da vida... normal.

"coloca Vitor e Leo”."

Isso causa uma grande desilusão.

"Ele ligou para a mãe e finalizou a ligação com um “eu te amo, mamãe”."

Foi criado com cremogema.

"Ele SÓ falou de concursos públicos, de como a cespe elabora as provas, de qual estado pagaria melhor o cargo que ele concorria etc."

Ela deu destaque ao "SÓ", de fato, ele não possui muito traquejo social... Chato.

E esses momentos "uh-oh" são relativos... Pelo o que ela citou, se eu fosse mulher, não daria pra ele.

anamyself on 24 de julho de 2009 15:54 disse...

PUTA MERDA!
Não conseguiria dizer outra coisa.
Puta cara chato.

Olha, pode ser um DEUS e te tratar super bem, mas não gostar dos seus amigos e ainda mais FALAR MAL deles pra você é inadmissível. fez bem em mandar pastar.

Aff, tô revoltada. BABACA.

Manda ele ir curtir Vitor e Léo e estudar pra concurso público, enquanto você vai tomar uns gorós e SE DIVERTIR.

get a life, motherfucker!

Ganhei linkzinho no Corporativismo!
AMEI =D

anamyself on 24 de julho de 2009 15:55 disse...

Opa, motherfucker de verdade, pensando bem.
ahuahuhuahau

FREUD RULEZ! ahuahuhua

Drama Queen on 24 de julho de 2009 17:01 disse...

Edu, timidez é uma coisa, chatice é outra. Nem confunda. Eu também não sou a pessoa mais extrovertida do mundo quando conheço gente nova, mas também não sou nenhuma mala, creio que a maioria das pessoas são assim. Agora falar apenas sobre um assunto e ainda reclamar pq as pessoas não deram atenção? Ahh meu saco imaginário!


Deja, não entender inglês é uma coisa aceitável, mas dá uma decepçãozinha quando se trata de alguém que você admira e julga inteligente. =/

Anônimo disse...

Tudo bem que o cara pode não ser o seu tipo, ser chatão... e tudo mais, mas taxar uma pessoa pelo gosto musical ou pelo seu nível cultural é realmente triste.... tem pessoas que vivem num mundinho bem fechado mesmo... há pessoas tão legais que curtem sertanejo e outros gêneros musicais, quanto seus amiguinhos que curtem rock.

Deja disse...

Acho que o comentário que ele fez, em minha opinião, que foi decepcionante, desnecessário... Não me parece ser um sujeito muito esperto, com jogo de cintura, tá mais para um Zé Mané.

Ps, eu não entendo alemão, mas gosto de ACAB (Uma banda de Ska). Eu sinto a música (Poético óh). Acho que muitos não entendem um outro idioma, mas nem por isso são menos inteligentes.

Blog do Cachorro Cansado on 24 de julho de 2009 17:45 disse...

Putz..li isso e lembrei que tenho que ligar para mama. Desejar bom final de semana..rsss.Tem esses momentos uh-oh versão moças. E daí sim rola um Vitor e Léo pesado, ou pior, a minha ex, a mais linda, gostosa e tudo o mais, não queria ir ao cinema de domingo porque queria ver "A Dança do Faustão". Além disso, bebia todas, falava alto e dava barraco. Bom, não teve beleza de miss que segurasse a onda.
abs.

Blog do Cachorro Cansado on 24 de julho de 2009 19:24 disse...

seria eu uma exceção entre os gays e problemáticos???..pensando bem, acho que não.

Patsy on 24 de julho de 2009 19:29 disse...

meu momento uh-oh sempre vai ser o dia em que o babaquinha de são paulo olhou pra mim e disse que eu iria derreter como a mãe dele.

BABACA.

ainda bem que caí fora ¬¬

MusicFer on 24 de julho de 2009 20:42 disse...

Oiii flor, que bom que gostou do esmalte, volta sempre no blog ok?!
Bjãoooooooooooo
FER

Vocês, Mulheres !? on 24 de julho de 2009 22:19 disse...

Afff....Isso so vale na relação do homem para a mulher, certo?

Pq se sim me ensinem como evitar momentos Uh-Oh! E como reagir caso venha da mulher...

Bjus
VM

Grazi on 24 de julho de 2009 22:36 disse...

Eu tive um momento uh-oh. Comecei a namorar e tudo ía bem até eu descobrir que ele nunca escovava os dentes. PUTZ!UH-OH!
bjus

Karina on 24 de julho de 2009 23:15 disse...

Adorei o blog e já estou seguindo...Que Grazi??? Nossa Credo!!! Cruzes!!! Tive alguns momentos uh-oh...Mas tentava não levar adiante desde o começo...Estava ficando com um cara que era lindo de morrer mas uma porta, ria literalmente de tudo o que eu falava (acho que eu não sou tãoooooo engraçada assim) e amavaaaa aquela música dos Ases Indomáveis (detalhe já tinha passado uns mil anos do sucesso do filme) kkkkk Isso foi o fim..

Anônimo disse...

Adorei o blog, mas vou ter que dizer que amo Victor e Leo...hunf.
E falo com minha mãe todos os dias.
Só acho um saco pessoas que só falam em concursos e etc. Quando estou numa mesa assim me sinto uma idiota, mesmo sabendo que isso é super importante e é aí que surgem oportunidades.
Quando saio com meus amigos gosto de falar bobagens, dar risadas e esquecer a vida séria do escritório.
Meu inglês é meia boca, mas percebo que as pessoas que são fluentes nem prestam atenção nas letras também.

INA

Zíngara on 27 de julho de 2009 00:31 disse...

Momento Uh-OH já me ocorreu várias vezes, ainda mais porque sou o tipo de pessoa que VISUALIZA toda uma cena alucinante... Então a chance de passar por um momento assim é GRAAAAANDE.

Certa vez, eu estava ficando com um cara lindo-maravilhoso e ele diz para mim no ouvido "Sabe, com você eu me sinto hetero" (explicou que fica com meninos e meninas e tal). Pedi para ir ao banheiro e nunca mais voltei.

Zíngara on 27 de julho de 2009 00:31 disse...

Momento Uh-OH já me ocorreu várias vezes, ainda mais porque sou o tipo de pessoa que VISUALIZA toda uma cena alucinante... Então a chance de passar por um momento assim é GRAAAAANDE.

Certa vez, eu estava ficando com um cara lindo-maravilhoso e ele diz para mim no ouvido "Sabe, com você eu me sinto hetero" (explicou que fica com meninos e meninas e tal). Pedi para ir ao banheiro e nunca mais voltei.

Deja disse...

"Sabe, com você eu me sinto hetero" (explicou que fica com meninos e meninas e tal).

HAHAHAHAHA

 

Corporativismo Feminino Copyright © 2009 Baby Shop is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez Edited by Blog Feminino